Conecte-se conosco

Cidades

Municípios da região centro-oeste do Tocantins recebem ações de controle da raiva dos herbívoros

Equipe da Adapec estará desenvolvendo ações de controle da raiva dos herbívoros entre os dias 10 e 16 de janeiro

Publicados

em

Equipe atenderá ao chamado para investigação de focos e realização de monitoramento

Com o objetivo de atender demandas dos produtores rurais dos municípios de Paraíso do Tocantins, Monte Santo e Divinópolis, uma equipe da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) desenvolve ações de controle da raiva dos herbívoros (bovinos, equídeos, suídeos, caprinos e ovinos), nestes municípios entre os dias 10 e 16 de janeiro.

“Nestes municípios a equipe atenderá o chamado para investigação de focos e realização de monitoramento e cadastramento de abrigos, além da captura de morcegos hematófagos, principal transmissor da raiva, visando o controle populacional desta espécie e orientação quanto aos riscos de transmissão da raiva dos herbívoros para o ser humano, pois ela é uma zoonose,” explica o inspetor de defesa agropecuária da Adapec, José Emerson Cavalcante.

A Adapec reforça aos produtores rurais para vacinarem o rebanho contra a raiva, pois esta é a forma mais segura de prevenção contra a doença.

Sintomas
O animal que é infectado pelo morcego hematófago, apresenta alguns sintomas como isolamento do restante do rebanho, apatia, perda de apetite, salivação abundante e dificuldade para engolir. Com a evolução da doença, tem movimentos desordenados, tremores musculares, ranger de dentes, decúbito lateral e morte.

A Agência alerta que o produtor deve evitar o contato direto com animais que apresentam sintomatologia nervosa. Qualquer dúvida ou denúncia em relação à defesa agropecuária, o produtor pode entrar em contato também, por meio do Disque Defesa no 0800 63 11 22.

 

Cidades

Palestra sobre captação da água de ar condicionado e plantio de mudas é realizada em Gurupi

Publicados

em

Na manhã desta sexta-feira (22), Dia Mundial da Água, a Prefeitura de Gurupi por meio da Diretoria de Meio Ambiente, realizou uma palestra sobre captação e reutilização de água de ar condicionado e promoveu o plantio de mudas nativas no pátio do Campus I da UnirG – Universidade de Gurupi junto com acadêmicos do curso de Direito. As ações fizeram parte da programação da semana da água. Durante a tarde, houve doação de mudas e exposição de peças artesanais com material reciclável no Parque Mutuca.

A palestra sobre captação e reutilização da água de ar condicionado foi ministrada pelo topógrafo Gaspar Moura, da equipe da diretoria de meio ambiente. A palestra foi voltada para acadêmicos do curso de Direito da UnirG, da disciplina Direito Ambiental e que fazem parte do projeto de extensão “Meio Ambiente e Cidadania”. “É importante levar essa ideia de preservação aos acadêmicos para que se tornem multiplicadores da sustentabilidade ambiental”, frisou Gaspar.

Em seguida, houve plantio de mudas nativas da região, como Ipê, Jacarandá e Fava de bolotas, no pátio do Campus I da instituição. O plantio contou com a parceria da BRK Ambiental e participação dos acadêmicos. “O conforto ambiental vai melhorar, a temperatura vai baixar e até os estudantes futuramente poderão se acomodar e estudar debaixo das árvores, isso é uma ação que fazemos já pensando no futuro, na qualidade ambiental e no conforto para a comunidade estudantil”, explicou o engenheiro ambiental Diego Rocha.

Um dos acadêmicos que fazem parte do projeto de extensão “Meio Ambiente e Cidadania”, é o Matheus Ximenes, que está no sétimo período do curso de  Direito. Ele participou das ações e falou da importância da preservação da água e do plantio de mudas. “Precisamos fazer dessas ações uma prática diária, para que se tornem espontâneas, dessa forma, ganha o meio ambiente e consequentemente todos nós”, disse.

Doação de mudas e Exposição de recicláveis

Já na tarde desta sexta, a programação prosseguiu com a realização de uma exposição de peças artesanais feitas com materiais recicláveis e doação de mudas para a comunidade. A mobilização aconteceu no Parque Mutuca. A Maria Alice Rodrigues aproveitou para ver as peças da exposição e ainda levou uma muda de jabuticaba para casa. “Ações como essa são muito positivas, pois incentivam as pessoas a plantarem e cuidarem melhor da natureza”, disse.

Encerramento

A programação da semana da água em Gurupi encerra neste sábado (23), no Viveiro municipal.

Dia 23/03/2019

Tema 1: Dia de campo no Viveiro Municipal

Ação 1: Curso de orientação técnica sobre diversos aspectos relacionados ao viveiro

Ação 2: Oficina de produção de sabão caseiro com óleo usado

Local: Viveiro Municipal (Trevo da Rua 7 – Saída para Dueré)

Horário: 08:00h às 12:00h

Continue Lendo

Cidades

Ações de preservação e conscientização no Ribeirão São João são realizadas em Porto

Publicados

em

A Prefeitura de Porto Nacional, por meio da Secretaria Municipal do Planejamento, Habitação, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia realizou nesta sexta-feira, 22 de março, ações para o Dia Mundial da Água, com uma série de atividades voltadas a conservação e preservação do meio ambiente nas margens do Ribeirão São João, principal abastecedor de água do Município.

Tendo em vista a importância da conservação dos mananciais e sobretudo a valorização do nosso recursos natural, a ação foi dirigida pela secretaria executiva do Meio Ambiente, através da Secretária Sarah Mourão, e do Secretário Executivo de Meio Ambiente, Eduardo Benvindo, e contou com a participação de alunos do colégio Sagrado Coração de Jesus, acompanhados pela coordenadora pedagógica, Lylla Barreira, e pelas professoras Sonaira Parente e Annyele Teles.

Ribeirão São João

O prefeito Joaquim Maia, falou da importância da educação ambiental e da importância do Ribeirão São João para o município. “A Prefeitura tem apoiado e estado de portas abertas aos projetos ligados ao nosso meio ambiente, e hoje no dia mundial da água, estamos recendo a visita de vários alunos do Colégio Sagrado Coração de Jesus, que vieram conhecer nosso principal manancial e compreender melhor a sua importância para o presente e futuro das nossas gerações”, disse Joaquim Maia.

O Secretário Executivo do Meio Ambiente, Eduardo Benvindo, ressaltou o papel da sociedade dentro do processo de cuidados que o meio ambiente necessita e que a educação ambiental sempre será uma forma de proteger e conservar os nossos recursos naturais.

“Nesta data onde comemoramos o dia mundial da água, tivemos a satisfação de mostrar a importância do nosso Ribeirão São João de onde nossas casas recebem a água todos os dias, e ainda mostramos aos nossos alunos a importância das áreas de proteção permanentes, que tem entre outras ações a função ambiental de preservar os nossos  recursos hídricos e manter o meio ambiente ecologicamente equilibrado”, frisou, Eduardo.

Continue Lendo

Cidades

Prefeitura de Porto Nacional apoia implantação de projeto no Tiro de Guerra

Publicados

em

A Prefeitura de Porto Nacional, por meio da Secretaria Municipal da Produção, recebeu na manhã de quinta-feira, 21, na sede da Fazendinha da Produção e Horta Educativa no setor Vila Nova, a visita do Chefe de Instrução do Tiro de Guerra 11005, Sub-Tenente, Fábio Eduardo da Silva, acompanhado pela primeira-dama e articuladora do Selo Unicef, Aline Maia.

De acordo com o Secretário da Produção, Jefferson Lopes, a parceria firmada entre Município e o Tiro de  Guerra 11005 possibilitará alcançar mais pessoas e beneficiará a população mais carente e fomentando ainda mais a capacidade alimentar a população.

Benefício social

A visita técnica, segundo o secretário, teve como objetivo discutir a possibilidade de implantar um horta no TG. “A intenção é que uma parte de tudo que for produzida ficará com o tiro de guerra e 50% será revertido para doações a entidades carentes, abrigos e assim por diante.  A ideia inicial é implantar cincos tanques de peixes, a parte de mandioca, milho e hortaliças e assim se tornando um ponto de referência em Porto Nacional”, afirmou Jefferson Lopes.

O Sub-tenente Fábio, chefe de Instrução do TG 11005, comentou sobre o projeto. “Pesquisando na internet vimos esse trabalho desenvolvido pela Prefeitura através da Secretaria da Produção, e hoje tivemos a oportunidade de conhecer in loco as hortas educativas e melhor ampliar a nossa visão do trabalho que queremos implementar no tiro de guerra, por que aqui temos a mão de obra que são os atiradores e a área e espaço e só faltaria a assistência técnica e o suporte que teremos através da Secretaria, que irá nos fornecer através desta parceria”, completou o chefe de instrução.

Dentro da parceria firmada entre Município e Tiro de guerra, a primeira-dama e Articuladora do Selo Unicef, Aline Maia, falou da importância desse projeto ser ampliado e do aspecto social que o mesmo traz para a comunidade.

“Essa parceria ajudará ainda mais as famílias carentes da nossa cidade que terá um incremento especial e gratuito em suas refeições, sabemos da importância do Tiro de guerra que já desempenha um papel social no Município e que agora com a implantação da horta educativa nos dará ainda mais condições de poder ajudar a população com alimentos produzidos dentro do espaço. Essa união faz com que todos sejam beneficiados”, finalizou Aline.

Continue Lendo