Conecte-se conosco

Saúde

HGP conta com Núcleo e Atendimento à Pessoa em Situação de Violência

Serviço surgiu diante do crescente número de atendimentos realizados a pacientes nas mais diversas situações de violência

Publicados

em

Ação do Núcleo de Atendimento a Pessoa em Situação de Violência atua em conjunto em conjunto com a Patrulha Maria da Penha

No intuito de ofertar um acolhimento, atendimento humanizado e especializado à pessoa em situação de violência com direcionamento à rede de proteção e assistencial foi sistematizado o atendimento, já realizado e implantado em março deste ano, o Núcleo de Atendimento à Pessoa em Situação de Violência (Nuave) no Hospital Geral de Palmas (HGP).

O serviço surgiu diante do crescente número de atendimentos realizados a pacientes nas mais diversas situações de violência assistidos pelas equipes do Hospital Geral de Palmas (HGP), desde pronto socorro a internação. O Nuave atende por mês de 80 paciente e até 200 atendimentos.

Segundo a psicóloga do Nuave, Raphaella Pizani o serviço funciona da seguinte forma: a equipe realiza uma busca ativa e também atendimentos conforme solicitação das equipes assistenciais do HGP pela solicitação de parecer ao núcleo. A equipe é formada por psicólogo, assistente social e enfermeira. “Atendemos a toda pessoa que esteja em situação de violência ou com suspeita de violência, seja ela violência física interpessoal, violência autoprovocada, violência sexual, negligência e abandono, bem como a realização da assistência às pessoas com ideação e planejamento de autoextermínio e automutilações”.

O núcleo atua em parceria com Rede de Proteção à pessoa em situação de violência como delegacias especializadas: Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM), Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), Delegacias Especializadas de Crimes Contra a Proteção à Criança e ao Adolescente (DECA), Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP, além da Defensoria Publica (Nudem), Ministério Público Estado (MPE), Patrulha Maria da Penha e o Tribunal de Justiça.

O serviço conta com suporte da Rede Assistencial Estratégia Saúde da Família (ESF), Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF) Centros de Atenção Psicossocial (Caps), Ambulatório Infantil, Serviços de Atenção Especializada às Pessoas em Situação de Violência Sexual (Savis) do Hospital e Maternidade Dona Regina Siqueira Campos (HMDR), Serviço de Referência no Atendimento de Crianças em Situação de Violência no Tocantins (Savi) do Hospital Infantil de Palmas (HIP).

O Serviço também vem atuando em parceira com a Patrulha Maria da Penha e participando em ações fora do HGP, com palestras de conscientização sobre todos os tipos de violência. Em junho foi realizada ação direcionada à população no Taquari.

“Por se tratar do maior hospital de referência do Tocantins e estados circunvizinhos, é de suma importância contar com um Núcleo de Atendimento a Pessoa em Situação de Violência, uma vez que há diversos tipos de violência que podem ser tratadas de forma equivocadas ou subjulgadas, e quando isso acontece pode ser agravado a situação da vítima”, afirmou o diretor de integração multiprofissional hospitalar do HGP, Valdemar Pires de Oliveira.

 

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Saúde

Forças tarefas otimizam atendimentos no Hospital Geral de Palmas

Publicados

em

HGP tem realizado forças tarefas, intensificando atendimentos em áreas com grande quantidade de pacientes, como ortopedia, cardiologia e oncologia

Maior hospital público do Estado do Tocantins, o Hospital Geral de Palmas (HGP) é uma unidade de alta complexidade que opera na maior parte do tempo com superlotação, por ser uma unidade portas abertas do Sistema Único de Saúde (SUS). Em busca de atender a grande demanda, a gestão da Secretaria de Estado da Saúde (SES), juntamente com a gestão e equipe multiprofissional da unidade, têm realizado forças tarefas, intensificando atendimentos em áreas com grande quantidade de pacientes, como ortopedia, cardiologia e oncologia.

Na última ação, realizada pela unidade entre os dias 12 a 31 do mês passado, o HGP realizou 217 procedimentos ortopédicos durante uma força tarefa, totalizando em todo o mês de agosto 300 cirurgias. As atividades contaram com médicos ortopedistas, médicos residentes, enfermeiros, técnicos de enfermagem, instrumentadores e a equipe da gestão do centro cirúrgico.

Um dos pacientes atendidos na força tarefa da ortopedia foi o lavrador Adauto dos Santos Ribeiro, morador de Recursolância, que teve o tornozelo quebrado enquanto cuidava do gado. “Fui encaminhado para o HGP e no dia que cheguei fiz uma cirurgia, depois esperei mais alguns dias e fiz uma segunda cirurgia. Não tenho o que dizer de ruim, fui muito bem cuidado por toda equipe do hospital”, afirmou.

Em abril deste ano, a unidade realizou o 5º mutirão de Cateterismo Cardíaco no setor de Hemodinâmica, quando zerou a fila de espera por procedimentos eletivos cardíacos. Na ocasião foram realizados 51 procedimentos de alta complexidade cardiovascular. Desde o início do serviço em 2012, já foram realizados aproximadamente 12 mil procedimentos.

Próximos eventos

Nos dias 07 e 08, 14  e 15 de setembro das 8 às 17 horas, o Hospital Geral de Palmas receberá o mutirão de tomografia e ressonância, que irá beneficiar cerca de 200 pacientes.  “Nosso intuito maior é poder realizar atividades como esta e possibilitar zerar a lista de pacientes a espera de exames para dar andamento ao tratamento”, destacou o diretor geral do HGP, Leonardo Toledo, acrescentando que “estamos trabalhando para que a partir da próxima semana sejam retomadas as atividades de intensificação das cirurgias ortopédicas, com a disponibilização de duas salas do centro cirúrgico, especificamente para a especialidade”.

Continue Lendo

Saúde

Secretaria de Saúde publica edital de processo seletivo para contratação de médico

Publicados

em

A Secretaria Municipal de Saúde comunica a publicação do edital de processo seletivo simplificado nº 005/2019 para a contratação de médico e médico ortopedista para compor os quadros da secretaria por tempo determinado. São oferecidas três vagas e mais cadastro de reserva.

Os interessados podem se inscrever e entregar o currículo no departamento de recursos humanos da secretaria a partir dessa quinta-feira, 26, até o dia 30 de julho, das 9h às 17h.

Os detalhes do processo seletivo podem ser conferidos aqui

Portaria que designa a comissão para realizar o processo seletivo aqui

Continue Lendo

Cidades

Produtores de Gurupi e região participaram de Palestra sobre manejo e beneficiamento de produtos lácteos

Publicados

em

 

Na manhã deste sábado (08), uma palestra sobre Manejo e Beneficiamento de Produtos Lácteos finalizou a programação de palestras oferecidas pela Prefeitura de Gurupi durante a programação da 47ª Exposição Agropecuária da cidade. Participaram do evento produtores de leite e derivados de Gurupi e municípios vizinhos.

A palestra foi oferecida pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, por meio da Diretoria Municipal de Agricultura em parceria com a Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (SEAGRO). As palestrantes foram a Verônica Gonçalves e a Kênia Lellis, ambas engenheiras de alimentos da Seagro. E o objetivo foi capacitar os produtores quanto a manipulação correta do leite e seus derivados visando a segurança alimentar.

“Explicamos aos produtores que é possível fabricar produto de qualidade adequando as condições que eles têm na agroindústria de pequeno porte. É um trabalho articulado entre a Seagro e o Serviço de Inspeção Municipal de Gurupi que visa mostrar ao produtor que atender a legislação não é tão complicado como se tem acreditado ao longo dos anos. Com medidas simples é possível fabricar produtos de alta qualidade e aptos a serem comercializados nos programas de aquisição de alimentos do governo e vende-los no comércio local”, explicou Verônica.

A diretora municipal de agricultura Alice Jorge, enfatizou a importância da temática para os produtores. “Hoje segurança alimentar é fundamental. O que a Prefeitura quer é que eles continuem produzindo, mas de forma regulamentada, atendendo todas as normas da legislação. Este curso é justamente para isso, para que eles possam se capacitar e para que essa cadeia produtiva possa desenvolver de forma correta e não traga nenhum dano a sociedade no que diz respeito a saúde pública”, frisou Alice.

Alice Jorge ainda acrescentou dizendo que a palestra serviu para que os produtores incrementem sua produção. “Foi ensinado a eles como produzir produtos lácteos para agregar valor na produção, como iogurte natural e queijo frescal. Para que eles possam incrementar sua produção além do leite in natura” finalizou.

A programação contou ainda com um espaço onde foi falado sobre Cooperativismo, com o analista de Cooperativismo do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (SESCOOP), Magno Vinícius. Ele explicou aos produtores os benefícios deste sistema. “A Cooperativa traz o desenvolvimento econômico local, pois toda riqueza que é produzida com a cooperativa na região, fica para a região. Além disso, é a união de pessoas por pessoas, que trabalham com objetivo comum e assim conseguem diminuir custos, aumentar a produtividade e competir de igual para igual no mercado”, explicou Magno.

Dezenas de produtores estiveram presentes na palestra, entre eles o José Roberto Ramalho, produtor de leite da cidade de Dueré. “Isso é muito bom para nós produtores pois aprendemos a forma correta de produzir alimentos com total segurança e conseguimos manter nossa renda”, disse. O Abílio Alves Junior é produtor de leite em Gurupi e também gostou da palestra. “A informação sempre é bem-vinda, ela traz clareza das questões sobre como nós trabalhamos, produzimos, manipulamos e vendemos nossos produtos, além de modernizar nossas práticas”, destacou.

Semana de palestras

Durante a programação da Expo Gurupi, houve palestras sobre vários temas voltados para a Agricultura Familiar e Meio Ambiente, tudo gratuito, fruto de um termo de cooperação técnica celebrado entre a Prefeitura de Gurupi e a Federação da Agricultura do Estado do Tocantins (FAET). As palestras iniciaram no dia 03 e encerraram neste sábado 08. O estande da Prefeitura de Gurupi permanece com exposições de artesanatos e trabalhos apoiados pela gestão até este domingo (09), quando encerra a Feira.

Continue Lendo

Notícias