Conecte-se conosco

Cidades

Tamanduá-mirim é resgatado por bombeiros militares no centro de Palmas

Animal estava em busca de alimento numa residência na 303 Sul e foi solto em área de chácaras às margens da TO-050

Publicados

em

Um tamanduá-mirim foi resgatado pelos bombeiros militares na manhã desta sexta-feira, 10, na Quadra 303 Sul, em Palmas. Segundo os socorristas, o tamanduá deveria estar em busca de alimentos e ao entrar no quintal de uma residência acabou sendo acuado pelos cachorros e entrou numa dispensa, onde permaneceu até a chegada da viatura do Corpo de Bombeiros Militar.

A equipe de bombeiros utilizou uma ferramenta tipo laço para capturar o animal, que aparentava estar em boas condições de saúde. O tamanduá-mirim foi solto, logo em seguida, em uma área de chácaras às margens da TO-050.

Segundo os moradores, o bicho apareceu na casa de madrugada, causando alvoroço nos cachorros. Contudo, não atacou nenhum dos animais.

Outro resgate

Ainda esta semana, uma cadela também foi resgatada pela equipe da Companhia Independente de Busca e Salvamento (CIBS), do Corpo de Bombeiros Militar, na Quadra 409 Sul. O animal estava preso à galhos e cipós de árvores em terreno baldio. Segundo moradores, já fazia cerca de três dias que o cachorro estava latindo.

Os bombeiros militares observaram que o animal estava com sede e fome e deram alimento antes da soltura. Mais calma, a cadela foi desvencilhada dos cipós e levada para o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), que fez exames e constatou que ela está bem de saúde.

A cadela não tem raça definida e interessados em adotá-la devem se dirigir ao CCZ.

 

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades

Estado garante cerca de 6 mil cirurgias eletivas e retomada de obras de hospitais

Ações integram o Plano de Governo que foi entregue pelo governador Mauro Carlesse à Justiça Eleitoral durante as eleições de 2018

Publicados

em

Os investimentos que a Gestão do governador Mauro Carlesse vem realizando na área da Saúde estão mostrando resultados positivos para a população do Tocantins. Os destaques das ações estão na realização do programa de cirurgias eletivas Opera Tocantins e também na retomada das obras dos hospitais gerais de Gurupi (HGG) e de Palmas (HGP).

As ações colocadas em prática pela equipe fazem parte do Plano de Governo que foi entregue, pelo governador Mauro Carlesse, à Justiça Eleitoral durante as eleições de 2018.

Saúde para todos

Na área da Saúde, o Plano de Governo apresentava a Operação SOS, que foi alterada para a nomenclatura Opera Tocantins. A ação realizou, desde 2019, cerca de seis mil cirurgias eletivas, que são aquelas em que o paciente não corre risco iminente de vida.

O Governo retomou os atendimentos de radioterapia em Araguaína; e na unidade de Cuidado Agudo ao AVC (Acidente Vascular Cerebral) do Hospital Geral de Palmas. Além disso, aprimorou o sistema de aquisição de medicamentos, materiais de insumos e passou a realizar cirurgias cardíacas abertas no HGP, bem como a oferecer serviços de cirurgias cardíacas pediátricas congênitas.

Já em relação aos hospitais, o Governo reiniciou as obras do Hospital Geral de Gurupi; e entregou 10 novos centros cirúrgicos ao HGP. O hospital também está reformando todo seu ambulatório que permitirá maior dinamicidade nos atendimentos com aumento do quantitativo de consultórios, tanto para pequenos procedimentos e procedimentos ginecológicos como para atendimentos.

O HGP foi contemplado ainda com 50 monitores multiparamétricos e 10 desfibriladores que farão parte da estruturação do parque tecnológico da unidade. Os aparelhos avaliados em cerca de R$ 1,6 milhão foram doados pelo Ministério da Saúde (MS). Já em relação ao Hospital Geral de Araguaína (HGA), o Governo busca recursos para dar início à obra.

Aprimoramento da Gestão

Os painéis de controle da Secretaria de Estado da Saúde (SES) registraram, nesse sábado, 18, pela primeira vez, a baixa taxa de ocupação em todas as 18 unidades hospitalares geridas pelo Governo.

Os dados são resultados da implementação dos fluxos e do giro dos leitos. Embora a demanda seja espontânea por necessidade, a gestão tem trabalhado no intuito de alcançar, com maior frequência, melhores resultados.

Segundo o titular da SES, Edgar Tollini, os números refletem o trabalho conjunto das equipes e contínuo planejamento e comprometimento da gestão, melhorando os critérios de inclusão (entrada) e alta, bem como o abastecimento regularizado. “Um trabalho que, aos poucos, vem transformando a saúde pública do Estado”.

Edgar Tollini enfatiza ainda outro recorde alcançado pela Saúde. “Na Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon), do Hospital Geral de Palmas, foram infundidas e manipuladas 53 quimioterapias no dia 16 de janeiro deste ano, quando todos os pacientes entraram e nenhum ficou para o dia seguinte”.

Sobre o Plano de Governo

O governador do Tocantins, Mauro Carlesse, já cumpriu ou colocou em execução grande parte das metas estabelecidas em seu Plano de Governo, apresentado à Justiça Eleitoral no pleito de 2018. As ações contemplam as diversas áreas do Estado e impactam diretamente na melhoria da qualidade de vida do cidadão tocantinense.

O plano apresentado contempla 12 eixos e 46 metas prioritárias. O foco do documento está em ações voltadas ao municipalismo e à melhoria dos serviços públicos oferecidos à população nas diversas áreas do Executivo Estadual.

 

Continue Lendo

Cidades

Governo conclui, neste sábado, trabalho técnico social na Arso 131

Publicados

em

O Governo do Tocantins, por meio da equipe técnica de pós-ocupação da Secretaria de Estado da Infraestrutura, Cidades e Habitação (Seinf), realiza neste sábado, 25, às 17 horas, um evento com as famílias beneficiadas pelo Programa Pró-Moradia da Quadra 1.303 Sul (Arso 131), de finalização do trabalho técnico social. Ao todo, são 654 unidades habitacionais entregues gratuitamente pelo Governo.

Segundo o superintendente de Habitação da Seinf, Ilton Pereira Lima, a reunião marca a culminância do resultado de um trabalho assíduo realizado com as famílias ao longo de cinco anos. “Além de garantir a aquisição da casa própria, o Governo, por meio da equipe técnica de pós-ocupação, realiza um trabalho de acompanhamento técnico social, assegurando a inserção dessa nova comunidade à sociedade, como o acesso aos aparelhos públicos, como escolas, transporte público, Centro de Referência de Assistência Social (Cras), Unidade básica de saúde, Conselho Tutelar e Defensoria Pública, entre outros”, reforça.

De acordo com o diretor Habitacional Social, Hermes Antônio, as atividades foram executadas nos plantões sociais realizados uma vez por semana. “Promovemos oficinas, palestras informativas, instruções sobre a conservação e regularização do imóvel, fiscalização dos parâmetros do Programa, como esclarecimentos sobre questão estrutural e ambiental das unidades habitacionais e a comunidade”, ressalta.

A secretária de Estado da Infraestrutura, Cidades e Habitação, Juliana Passarin, destaca que o objetivo foi alcançado. “Podemos comemorar a total adaptação dessas famílias e o cumprimento do trabalho social realizado pelo Governo”, comemora.

Ao todo, foram entregues 654 unidades habitacionais, sendo 3% delas, adaptadas para pessoas com deficiência física na Quadra Arso 131, em Palmas, por meio do Programa Pró- Moradia. A primeira etapa foi entregue em 2015 e a última em 2017, beneficiando cerca de 2,6 mil pessoas.

Continue Lendo

Cidades

Fundação Cultural apresenta proposta para realização do Carnaval do Amor na Praia da Graciosa

Publicados

em

‘Carnaval do Amor’, uma festa para atender a demanda para os palmenses que curtem a festa, e que também terá uma finalidade solidária. É esta a proposta para o Carnaval que terá o apoio da Prefeitura, por meio da Fundação Cultural de Palmas (FCP), apresentada nesta quinta-feira, 23, para empresários, foliões e representantes da sociedade civil organizada em Palmas.

O Projeto, apresentado pelo presidente da FCP, Giovanni Assis, atende uma demanda de foliões da Capital, que solicitaram a retomada do Carnaval tradicional na cidade e também do Hospital de Amor, que será parceiro na realização do evento, e terá também uma finalidade solidária, uma vez que os voluntários do Hospital de Amor ficarão à frente do bar principal, que terá toda a arrecadação destinada para a construção da obra em Palmas.

Representante da Associação de Voluntários do Hospital de Amor, Mateus Bertoni, falou sobre o trabalho do Hospital e explicou que o espaço será uma forma importante de arrecadação para a obra na Capital. “É uma oportunidade de participar de um grande evento e poder reverter os recursos para a construção do Hospital de Amor no Tocantins. Estamos muito felizes e vamos trabalhar para ter um ótimo resultado”, disse.

Esta primeira reunião teve como finalidade a apresentação do projeto, além de ouvir a opinião dos interessados em construir conjuntamente a festa. Um novo encontro ficou agendado para a próxima quinta-feira, 30, às 15 horas, na FCP.

O Carnaval

O Carnaval do Amor será realizado na Praia da Graciosa, durante os cinco dias da festa. A Fundação Cultural irá apoiar o evento com estrutura e atrações locais e nacionais em processo de definição, além de disponibilizar tendas para os blocos participantes. Para a organização da festa haverá chamamento público para os blocos, comerciantes e ambulantes que queiram participar.

“O objetivo é atender a demanda da população pela retomada do Carnaval tradicional na Capital e iniciar um movimento maior, para que os blocos, empresários e a sociedade civil sejam os protagonistas nesse processo”, afirma o presidente da FCP, Giovanni Assis.

Assis explica que a escolha da Praia da Graciosa acontece em razão de já ser um local tradicional de eventos na Capital, que atende as necessidades do Carnaval com o menor impacto em relação a perturbação do sossego público. Desta forma, a Prefeitura irá apoiar oficialmente o Carnaval de Taquaruçu, já tradicional no distrito, o Carnaval do Amor, na Praia da Graciosa, e promover o Capital da Fé, no Estádio Nilton Santos. “Outras iniciativas de eventos de Carnaval podem ser realizadas, desde que cumpram as diretrizes para a realização de eventos desse porte, contidas em legislação específica”, disse.

Presente na reunião, o promotor do Meio Ambiente do Ministério Público Estadual, Fábio Lang, elogiou a iniciativa. “A Cidade tem hoje um efetivo de segurança pequeno, desta forma é melhor concentrar a festa em um local, porque é possível prover mais segurança. O que não pode ocorrer é, em razão de uma festividade, ocupar uma rua de forma desordenada, sem a estrutura e autorizações necessárias. Nosso interesse é que não haja perturbação do sossego alheio, onde for autorizado pela Prefeitura o MPE vai apoiar”, explicou ele.

A iniciativa também recebeu apoio dos segmentos econômico da Capital, como o da proprietária de food trucks, Raymara Silva. “Esse incentivo é muito bom, nos últimos anos a gente tem que se locomover para Gurupi. Então para a gente que é comerciante em Palmas é essencial, estamos felizes, porque além do Capital da Fé, o Carnaval ressurgiu novamente”, disse.

Empresário da área de entretenimento, Lucas Terra, afirmou que este é um momento importante, porque volta a ativar outro lado da economia na Cidade. “Além disso, colocar a população para participar da construção da festa faz com que ela volte ainda com mais força, pois vem de forma personalizada e atendendo as necessidades apontadas pela população”, afirmou Lucas, ao informar que nos próximos será decidido se montará um bloco.

Representando um dos primeiros e mais tradicionais blocos de Palmas, o ‘Filhos da Pauta’, a presidente do Sindicato dos Jornalistas do Tocantins (Sindjor), Alessandra Bacelar, falou que o ‘Carnaval do Amor’ pode ser a oportunidade para o retorno do bloco. “Desde o ano passado a gente ensaia a volta do ‘Filhos da Pauta’, que é uma forma de reunir os jornalistas em torno de pautas polêmicas e diversão. Achamos bem-vinda a ideia de retornar essa parte do Carnaval popular, de retomar os blocos, então a gente vai conversar com os colegas e verificar a possibilidade de participar, mas desde já agradou muito essa ideia de ter um espaço para quem gosta de Carnaval”.

Assis ressaltou que essa primeira reunião foi muito positiva. “Pois reuniu sociedade civil, foliões, representantes de instituições públicas, todos em prol do Carnaval, que vai ser o Carnaval do Amor, ou seja uma festa em prol do Hospital do Amor, que nos apresentou uma proposta. A Prefeitura vai apoiar essa proposta, com as instituições parceiras e chamando os blocos para aderirem e participarem juntos desse movimento, em um circuito que será montado na Praia da Graciosa”, concluiu Giovanni Assis.

Participantes

Bloco do Chambari, Boto Fé Nesse Som, Câmara de Dirigentes dos Lojistas; Mujica Bar, Secretaria da Juventude, Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ministério Público Estadual, Bloco Tô na Pista, Sindjor, Associação de Ambulantes, Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado do Tocantins, Ambulantes e foliões interessados em montar blocos.

Continue Lendo

Notícias