Conecte-se conosco

Estado

Rádio-oncologista explica tratamento de linfomas com radioterapia

Ismar de Rezende Júnior é médico rádio-oncologista, formado pela Universidade de Cuiabá, cursou Residência Médica em Radioterapia no Hospital de Câncer de Barretos; é especialista e membro da Sociedade Brasileira de Radioterapia

Publicados

em

Rádio-oncologista explica tratamento de linfomas com radioterapiav

O Dia Mundial de Conscientização sobre Linfomas é comemorado neste sábado, 15. Segundo o médico rádio-oncologista da Radioterapia Irradiar, Ismar de Rezende Junior, os linfomas são cânceres que ficam localizados no sistema linfático e podem acometer em diferentes épocas da vida, com a incidência aumentando com idade.

Os linfomas são divididos em duas categorias: o Linfoma de Hodgkin e o Linfoma Não-Hodgkin. Conforme o Instituto Nacional de Câncer (INCA) a estimativa para novos casos do Linfoma de Hodgkin para este ano é 2.530, sendo 1.480 homens e 1.050 mulheres. Já o Linfoma Não-Hodgkin a expectativa este ano é de 10.180, sendo 5.370 homens e 4.810 mulheres.

De acordo com o rádio-oncologista, os linfomas, em sua maioria, são tratados com quimioterapia e radioterapia. “Quanto a radioterapia, são emitidos feixes radiação em áreas de lesão bulk. Áreas com maior volume de tumores malignos precisam ser consolidadas com a radioterapia, após terminado os ciclos de quimioterapia”, explicou.

Radioterapia Irradiar

Os pacientes da Irradiar contam com um acelerador que figura entre os mais modernos do País, sendo capaz de realizar radioterapia conformacional 3D, de intensidade modulada (IMRT) e IGRT além da Radiocirurgia (técnicas que maximizam os resultados com menores impactos à saúde do paciente). O aparelho focaliza e emite a radiação de forma específica para não comprometer os demais órgãos.

Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estado

Projeto Pergunte a um(a) cientista aproxima público de ciência em evento aberto

Com a temática de saúde mental, evento ocorre no dia 23 de setembro, no Parque Cesamar

Publicados

em

Você já conversou com um cientista sobre assuntos que impactam diretamente sua vida? Em setembro, o público geral poderá entrar em contato direto com especialistas em Saúde Mental para tirar dúvidas sobre depressão, ansiedade, sofrimento no trabalho e outros temas correlatos em evento organizado pelo grupo de comunicação científica Via Saber de São Paulo e em Palmas coordenado pelo Observatório de Pesquisas Aplicadas ao Jornalismo e ao Ensino da Universidade Federal do Tocantins (OPAJE-UFT).

Chegando a sua terceira edição, o evento Pergunte a um(a) cientista, tomará dimensão nacional: ao longo do mês de setembro, cientistas ficarão à disposição da população nas ruas para debater saúde mental e tirar dúvidas sobre o assunto em oito cidades – Brasília, Belo Horizonte, Palmas, Uberlândia, Santos, São Carlos, São Paulo e Vitória. As datas e horários de cada cidade serão divulgadas na página do evento. Em Palmas, acontece no próximo domingo, 23 de setembro, a partir das 16 horas, no Parque Cesamar.

No Pergunte a um(a) cientista, a proposta é simples e literal: cientistas ficarão disponíveis em espaços públicos para responder perguntas da população dentro da temática de Saúde Mental. Basta ter uma pergunta ou uma curiosidade, sentar-se à mesa com o(a) cientista e conversar!

O evento acontece no próximo domingo, 23 de setembro, a partir das 16 horas, no Parque Cesamar

As edições anteriores do evento tomaram lugar na Avenida Paulista, um dos principais pontos de encontro da cidade de São Paulo, aberta aos domingos para proveito da população. Lá, pessoas de todas as idades e graus de escolaridade puderam debater com cientistas sobre Vacinas, Big Bang, Evolução, Vida Extraterrestre e tantas outras questões que despertam a curiosidade humana. ” Logo alguns curiosos foram se aproximando, sentando e fazendo as mais variadas perguntas. Filas foram se formando, as pessoas começaram a se sentir à vontade para perguntar dúvidas que sempre tiveram, muitas delas causadas por falta de uma divulgação adequada de ciência”, conta Douglas Galante, pós-doutor em Astronomia convidado pelo Via Saber para responder perguntas sobre sua área.

Para a realização do evento na cidade de Palmas, três cientistas e pesquisadoras foram convidadas: a neuropsicóloga Jordanna Parreira, que falará sobre a escuta clínica do prazer e sofrimento no trabalho; a psicóloga Janaína Vilares, que tratará do tema da Saúde mental na(s) universidade(s); e a psicóloga e professora Thais Monteiro, que abordará as narrativas de trabalhadores em sofrimento no serviço público.

A edição Pergunte a um(a) cientista – Saúde Mental ocorre no contexto do Setembro Amarelo, campanha de prevenção ao suicídio, que desde 2015 incentiva discussões em torno do assunto para conscientização da população e prevenção. O evento é patrocinado pelo projeto de divulgação científica Ciência na Rua. Também conta com o apoio da iniciativa Pint of Science e pelo Instituto de Física da Universidade de São Paulo (IFUSP).

Continue Lendo

Cidades

IAC apresenta Planta Genérica de Valores em Audiência Pública

Publicados

em

A Prefeitura de Paraíso do Tocantins e o Instituto de Atenção às Cidades promoveram Audiência Pública, no dia 19, para apresentação da Planta Genérica de Valores do município. O ato, ocorrido no auditório da ACIP contou com a presença de servidores municipais, das secretárias Ingrid Rebelo (Administração e Finanças), Lizete Coelho (Educação e Cultura) e Rosirene Leal (Saúde), do vereador Daniel Medeiros e da equipe técnica do IAC.

De acordo com Felipe Marques, professor da UFT e coordenador do projeto, o trabalho de atualização da planta genérica se iniciou em setembro do ano passado. “A UFT empregou a melhor técnica para obter uma espécie de radiografia dos terrenos e casas dentro destes lotes. Depois desta etapa foi elaborada a planta genérica de valores, baseada em ampla pesquisa do mercado imobiliário e outras fontes para estabelecer o valor do metro quadrado. O resultado é expressivo porque conseguimos uma boa atualização na arrecadação municipal que vai refletir diretamente nos investimentos nas áreas de saúde, educação, segurança e mobilidade”, explicou Marques.

Ainda sobre a atualização da Planta, Marques afirma que não vai impactar tanto o bolso do contribuinte. “Foi realizado um trabalho com o conceito de justiça tributária. O que isso significa? Que a cobrança será diferenciada. Aqueles que residem em casas maiores e em bairros com mais oferta de infraestrutura pública vão pagar mais do que aqueles que moram em bairros mais simples e com menos ofertas desses serviços”, enfatizou Felipe.

Ingrid Rebelo, secretária de Administração e Finanças, informou que esta apresentação se deu depois da realização de outras reuniões, com a participação da comunidade e de vereadores. O projeto segue agora para a Câmara de Vereadores, onde entra em trâmite de votação dos parlamentares. A expectativa é que o projeto entre em vigência ainda em 2019.

Continue Lendo

Cidades

Segunda Reunião Descentralizada tem ampla participação dos municípios da região Norte

Dentre os assuntos em pauta estão as mesas temáticas dos serviços da Proteção Social Especial e Básica, Cadastro Único, e Gestão do Sistema Único de Assistência Social (SUAS)

Publicados

em

Os municípios da regiao Norte do Tocantins lotaram a segunda reunião descentralizada e ampliada da Comissão Intergestora Bipartite do Tocantins (CIB/TO) e Conselho Estadual de Assistência Social do Tocantins (CEAS/TO), na manhã desta quinta-feira, 20, no auditório da Faculdade Católica Dom Orione em Araguaína. Dentre os assuntos em pauta estão as mesas temáticas dos serviços da Proteção Social Especial e Básica, Cadastro Único, e Gestão do Sistema Único de Assistência Social (SUAS).

A diretora do SUAS/TO, Lucia Mendes, destacou a importância da segunda reunião descentralizada

Representando a Secretária de Estado do Trabalho e do Desenvolvimento Social, a diretora do SUAS, Lucia Mendes, destacou a importância da segunda reunião descentralizada. “São vários os resultados que expressam a contribuição da participação social no controle das políticas públicas e precisamos fortalecer essa participação, garantindo assim a ampla defesa e garantia dos direitos humanos”, pontuou.

O presidente do CEAS/TO, Aguinaldo Leal, destacou que a meta dessa nova gestão é fortalecer as conferências sempre e avaliar os resultados das ações até o momento, estabelecendo novas metas para os próximos anos, pois “os desafios são muitos”.

O presidente do CEAS/TO, Aguinaldo Leal: “os desafios são muitos”

Já o secretário executivo da cidade de Xambioá, José Wilamar, defendeu as trocas de experiências entre os membros dos Conselhos nessas reuniões. “Enxergamos isso como um espelho de todas as realidades e ações dos vários municípios tocantinenses”, comentou.

CIB

Consiste na instância estadual destinada à interlocução de gestores, constituídas por representantes do estado, indicados pela Secretaria Estadual de Assistência Social ou congênere e por representantes dos municípios, indicados pelo (Coegemas) que representam os interesses e as necessidades do estado, referentes à assistência social.

      José Wilamar defendeu as trocas de experiências entre os membros dos Conselhos

CEAS/TO

Instância de deliberação do Sistema Único de Assistência Social em âmbito estadual, de composição paritária entre governo e sociedade civil. Entre as atribuições do CEAS/TO estão: prestar assessoramento aos Conselhos Municipais de Assistência Social, por meio de capacitações aos conselheiros, repasse de informações e orientações técnicas referentes ao papel do Conselheiro.

Continue Lendo

Notícias