Conecte-se conosco

Cultura

Projeto Sexta Cultural reúne arte e lazer na Praça dos Girassóis

Evento estreia na sexta-feira, 16, e reunirá músicos, grupos circenses, exposições de artesanato, gastronomia, literatura e dança

Publicados

em

Primeira edição do projeto Sexta Cultural vai reunirá músicos, grupos circenses, exposições de artesanato, gastronomia, literatura e dança

O governo do Estado, por meio da Agência de Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), estreia na sexta-feira, 16, na área externa do Memorial Coluna Prestes, na Praça dos Girassóis, a 1ª edição do projeto Sexta Cultural. O evento reunirá músicos, grupos circenses, exposições de artesanato, gastronomia, literatura e dança. O público poderá conferir todas as atrações, de graça, com início da programação a partir das 18 horas.

A primeira temporada do projeto Sexta Cultural 2019 contará com seis edições, entre os meses de agosto e outubro, sendo realizada duas apresentações a cada mês, e ocorrerão sempre às sextas-feiras.  A primeira edição do projeto deste mês contará com a participação de grandes nomes da música tocantinense, a exemplo de Genésio Tocantins, Braguinha Barroso, Éverton dos Andes, Keila Lipe, Quésia Carvalho, Dorivan, Leandro Macedo, dupla sertaneja Marlon e Muriel, Nilo Alves, Mara Rita, Nacha Moretto, Lucimar, grupos de Hip Hop, além da cantora baiana, Larissa Luiz, dentre outros.

Essa temporada traz ainda apresentações do projeto Aldeia Jiquitaia do Sesc, intervenções circenses do grupo Os Kaco e da Trupe Açu.  O espaço também será palco para exposição literária e comercialização de artesanato e comida típicas da região.

De acordo com o gerente de Fomento da Cultura e Economia Criativa da Adetuc, Álvaro Junior, o projeto vem resgatar e valorizar a arte tocantinense. “No projeto da sexta Cultural, buscamos incluir todas as categorias de manifestações artísticas. Nossa ideia é tornar a arte acessível à população, oportunizando mais lazer, além de ajudar a divulgar nossa arte aos visitantes de Palmas para que possam vivenciar nossas riquezas culturais”, explicou o gerente.

“A iniciativa do governo do Estado contou com apoio da deputada Claudia Lelis que viabilizou, por meio de emenda parlamentar, recursos para execução do projeto. O Governador Mauro Carlesse é um grande incentivador do resgate e preservação da identidade cultural, valorizando todos os seguimentos da arte e manifestação religiosas e cultuarias, além de contribuir para o fomento a economia criativa do Estado”, considerou o presidente da Adetuc, Tom Lyra.

Programação do dia 16 de agosto

18 horas – Genésio Tocantins

19 horas – Homenagem aos Artistas

19h15 – Kalimba

20h15 – Circo Os Kaco

20h30 – Quésia Carvalho

21h30 – Sombras do Hip Hop

21h45- Érveton dos Andes

22h45 – Circo Os Kaco

23 horas – Keila Lipe

Em anexo, segue programação geral da 1º temporada 

 

Arquivo(s)

 

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades

‘Legalidade’, De Zeca Brito, estreia no Cine Cultura

O longa-metragem faz parte da programação semanal do cinema, que ainda conta com mais cinco filmes

Publicados

em

O longa-metragem faz parte da programação semanal do cinema, que ainda conta com mais cinco filmes

Um triângulo amoroso, a luta por uma causa cívica, uma revolução feita pelas ondas do rádio. Com a proposta de abordar o momento histórico do Brasil, em 1961, quando o presidente da República, Jânio Quadros, renuncia e seu vice, João Goulart, assume o posto, o longa ‘Legalidade’ estreia na tela do Cine Cultura. A primeira sessão é nesta quinta-feira, 17, às 20h. O longa-metragem faz parte da programação semanal do cinema, que ainda conta com mais cinco filmes.

“Em ‘Legalidade’ quis falar de meu País e das raízes políticas que ligam o Brasil à América Latina. A heróica façanha de Leonel Brizola liderando o povo brasileiro em ato de coragem e civismo, garantindo a posse do presidente João Goulart e a soberania da nação. Através das ondas do rádio o despertar para a constituição, o respeito ao voto popular. Um filme que trama ficção e realidade. Um romance que une visões opostas de mundo. Política, espionagem e comunicação, temas que articulam um dos momentos históricos mais intrigantes do País”, explica o diretor, Zeca Brito.

Confira a programação completa:

Quinta: 17/10/2019

17h  – De Peito Aberto, Graziela Mantoanelli

Documentário| Brasil| 2019| 77’

Classificação: 10 anos

 

20h – Legalidade, Zeca Brito

Histórico, Drama| Brasil| 2019| 20h2

Classificação :14 anos

Sexta: 18/10/2019

18h – A Noite Amarela, Ramon Porto Mota

Terror| Brasil| 2019| 116’

Classificação: 12 anos

20h – Bacurau, Kleber Mendonça Filho, Juliano Dornelles

Drama, Suspense, Faroeste| Brasil, França|2019| 2h12

Classificação: 16 anos

Sábado: 19/10/2019

17h30 – Domingo, Fellipe Barbosa, Clara Linhart

Comédia, Drama| Brasil| 2019| 95’

Classificação: 16 anos

20h – Legalidade, Zeca Brito

Histórico, Drama| Brasil| 2019| 20h2

Classificação :14 anos

Domingo: 20/10/2019

 17h30 – Domingo, Fellipe Barbosa, Clara Linhart

Comédia, Drama| Brasil| 2019| 95’

Classificação: 16 anos

19h30 – Bacurau, Kleber Mendonça Filho, Juliano Dornelles

Drama, Suspense, Faroeste| Brasil, França|2019| 2h12

Classificação: 16 anos

Quarta: 23/10/2019

16h30 – A Noite Amarela, Ramon Porto Mota

Terror| Brasil| 2019| 116’

Classificação: 12 anos

20h – O Homem Que Cuida, Alejandro Andújar

Drama| República Dominicana| 2019|80’

Classificação: 16 anos

Continue Lendo

Cidades

‘Auto da Compadecida’ estreia em curta temporada no Theatro Fernanda Montenegro

Os ingressos já estão à venda na Fundação Cultural de Palmas, das 13 às 18 horas, e na bilheteria do Cine Cultura a partir das 18 horas

Publicados

em

Chicó, João Grilo e grande trupe chegam ao Theatro Fernanda Montenegro de 02 a 06 de outubro para exibição de versão inédita de ‘Auto da Compadecida’. A adaptação de uma das peças mais populares de Ariano Suassuna será realizada pela Cia de Theatro Fernanda Montenegro, sob direção de Cícero Belém, com exibições em sessões especiais para escolas públicas, universidades e para o grande público. Os ingressos já estão à venda na Fundação Cultural de Palmas, das 13 às 18 horas, e na bilheteria do Cine Cultura a partir das 18 horas.

A peça, que exalta a cultura popular nordestina, através da literatura de cordel é aguardada com grande expectativa, por se tratar de um dos principais clássicos do teatro brasileiro de grande sucesso em versões para o teatro, no cinema e na televisão.

Em fase final de preparação, a peça é resultado da oficina de formação de atores e plateias, desenvolvido no Centro de Ensino e Treinamento Artístico (Ceta), sob a coordenação e direção do ator e professor de teatro Cícero Belém, e é resultado de um trabalho iniciado ainda em fevereiro. “Os trabalhos de leitura da obra original, estudos, pesquisas, desenvolvimento dos projetos cenográfico e de figurinos e a adaptação da obra teve início em fevereiro e foi concluída em junho”, informa Belém.

‘Auto da Compadecida’

Escrita em 1955 e encenada pela primeira vez em 1956, ‘Auto da Compadecida’, de Ariano Suassuna, é uma das principais peças do teatro brasileiro, tendo sido adaptada para a televisão e para o cinema. Inspirada na Literatura de Cordel, a peça é construída em três atos, que ilustram de forma leve e bem-humorada, as desventuras do povo nordestino em meio a seca, a fome e a miséria. 

Ariano Suassuna

Ariano Suassuna foi um dos grandes nomes da cultura nordestina. Exaltado principalmente pela atuação no teatro brasileiro, o escritor, dramaturgo e poeta fundou o Movimento Armorial nos anos 70, que tinha como objetivo utilizar a cultura popular para formar uma arte erudita. Além de teatrólogo, Suassuna é professor, romancista e advogado.

Sua primeira peça foi ‘Um Mulher Vestida de Sol’, que recebeu o prêmio Nicolau Carlos Magno, em 1948. Entre as mais conhecidas da carreira do escritor estão ‘Auto da compadecida’, de 1957, e ‘O Santo e a Porca’, de 1964, a primeira, inclusive, ganhou uma adaptação na televisão em 1999 com direção de Guel Arraes.

Na Academia Brasileira de Letras, Ariano Suassuna ocupou a cadeira número 32, que tem como patrono Araújo Porto Alegre. O escritor foi o sexto a ocupar a cadeira fundada por Carlos Laet e foi eleito em 3 de agosto de 1989. Fonte: http://educacao.globo.com/literatura/assunto/autores/ariano-suassuna.html

Ingressos

Como parte do processo de formação de plateia, haverá exibições gratuitas nos dias 02,03 e 04, para escolas da rede pública e pacotes de valor de R$ 10 para escolas particulares e universidades. As escolas e universidades interessadas deverão fazer pré-reserva junto a Fundação Cultural de Palmas, através do telefone 3212.7303.

Já os dias 05 e 06, às 20h serão realizadas as sessões para o grande público, com ingressos ao valor de R$ 30 inteira e R$ 15 a meia.

Serviço

O quê – O Auto da Compadecida  – Cia de Teatro Fernanda Montenegro

Onde: Theatro Fernanda Montenegro

Quando: de 02 a 06 de outubro.

Dias 02 e 03,  às 19h 30 – Sessões para escolas públicas e particulares;

Dia 04, às 15h – para escolas públicas e particulares

Dia 04, às 19h – Sessão Universitária

Dias 05 e 06, às 20h – Sessões para o grande público

Continue Lendo

Cultura

Programação do Cine Cultura traz cinema nacional, Ciclo Almodóvar e debate sobre documentários

O filme ‘Foro Íntimo’ concorreu em diversos festivais internacionais sendo premiado como Melhor Filme Estrangeiro no London International Film Festival

Publicados

em

Últimas Notícias de Tocantins

Com um enredo kafkiano que remete ao best-seller, O Processo, o diretor Ricardo Mehedff traz no drama nacional ‘Foro Íntimo’ a história de um juiz (Gustavo Werneck), que se vê perseguido e passa a viver isolado em seu trabalho diante das constantes ameaças de morte que sofre. O longa estreia nesta sexta-feira, 27, às 18h20, no Cine Cultura. O filme concorreu em diversos festivais internacionais sendo premiado como Melhor Filme Estrangeiro no London International Film Festival. 

Pensamento e Cinema

O projeto de extensão ‘Pensamento e Cinema’ recebe os cineastas Marcelo Silva, Hélio Brito e Antônio Souza para um debate sobre cine-documentário. O evento acontece neste sábado, 28, às 16 horas, no Cine Cultura, localizado no Espaço Cultural José Gomes Sobrinho. No encontro serão discutidos quais elementos são utilizados em um documentário e o que faz as suas questões essenciais.

O curso ‘Pensamento e Cinema’ é uma atividade de extensão em filosofia da Universidade Federal do Tocantins, em parceria com a Fundação Cultural de Palmas (FCP), por meio do curso de Teatro e do Cine Cultura, além da Livraria Leitura. Enquanto atividade de extensão, o curso é gratuito, aberto a todos e não demanda ao público participante do curso nenhum pré-requisito.

Ciclo Almodóvar

Pedro Almodóvar, um dos mais expressivos cineastas da Espanha e do mundo é o protagonista do ciclo de exibições no Cine Cultura. Reunindo 12 obras do diretor, o Ciclo Almodóvar se dedica aos melodramas e comédias. O filme desta semana será o título ‘Má Educação’, que por meio do cinema aborda os efeitos da repressão sexual durante a vida.

Reconhecido pelas suas estética e tramas exageradas, com cenários coloridos e narrativas trágicas, Almodóvar foi premiado em diversos festivais mundiais, como Oscar, BAFTA, Globo de Ouro e Festival de Cannes.

Programação:

Quinta: 26/09/2019

18h20 – Sócrates, Alex Moratto

Drama| Brasil| 2019| 78’

Classificação: 16 anos

 

20h – Bacurau, Kleber Mendonça Filho, Juliano Dornelles

Drama, Suspense, Faroeste| Brasil, França|2019| 2h12

Classificação: 16 anos

Sexta: 27/09/2019

18h20- Foro Íntimo, Ricardo Mehedff

Drama| Brasil| 2019| 78’

Classificação: 12 anos

20h – Bacurau, Kleber Mendonça Filho, Juliano Dornelles

Drama, Suspense, Faroeste| Brasil, França|2019| 2h12

Classificação: 16 anos

Sábado: 28/09/2019

16h Cine -Documentário

Palavra de Cineasta

18h20 – Os Jovens Baumann, Bruna Carvalho Almeida

Drama, Suspense| Brasil| 2019| 78’

Classificação: 14 anos

20h – Bacurau, Kleber Mendonça Filho, Juliano Dornelles

Drama, Suspense, Faroeste| Brasil, França|2019| 2h12

Classificação: 16 anos

Domingo: 29/09/2019

Ciclo Almodóvar

16h – Má Educação, Pedro Almodóvar

Drama| Espanha| 2006| 107’

Classificação:16 anos

Mostra de Cinema Espanhol

17h30 – Primos, Daniel Sánchez Arévalo

Comédia | 2011| 97’

Classificação: 12 anos

20h – Bacurau, Kleber Mendonça Filho, Juliano Dornelles

Drama, Suspense, Faroeste| Brasil, França|2019| 2h12

Classificação: 16 anos

Segunda: 30/09/2019

18h –  Saura(s) ,  Felix Viscarret

Documenta, Biografia|2017 | 86’

Classificação: Livre

20h – Maria (e os outros), Nely Reguera,

Drama| 2016| 96’

Classificação: 12 anos

Terça: 01/10/2019

18h20 – Sócrates, Alex Moratto

Drama| Brasil| 2019| 78’

Classificação: 16 anos

20h – Bacurau, Kleber Mendonça Filho, Juliano Dornelles

Drama, Suspense, Faroeste| Brasil, França|2019| 2h12

Classificação: 16 anos

Continue Lendo

Notícias