Conecte-se conosco

Cidades

Projeto Orelhinha chega no Estado para resgatar a autoestima dos Tocantinenses

Publicados

em

O Projeto Orelhinha chega no Tocantins na segunda quinzena de abril para promover cirurgias reparatórias de orelhas em abano, por um custo acessível e com pagamento facilitado. Com o projeto, mais de 25 mil pessoas no país já tiveram a autoestima resgatada através das cirurgias de correção.

Esse procedimento raramente é realizado no Sistema Único de Saúde (SUS), ou por outros planos de saúde, por considerarem de ordem estética. Nesta avaliação, os planos de saúde acabam não considerando o retorno psicológico da cirurgia. Geralmente, as pessoas que tem orelhas em abano acabam sendo vítimas de bullying, causando transtornos de ordem psicológica que podem levar a inúmeras consequências independente de idade.

O coordenador e fundador do Projeto, o cirurgião plástico Marcelo Assis, destaca os propósitos do Projeto, que vão além do estético. “Nosso objetivo é resgatar a autoestima das pessoas e, por meio de campanhas educativas, promover o debate sobre o bullying com diferentes pessoas, de diversas idades e lugares, para trazer mais igualdade para a sociedade”, reforça o especialista.

Os interessados em realizar o procedimento através do Projeto devem, primeiramente, participar de uma palestra em que receberão instruções sobre a cirurgia e preencherão a ficha cadastral, além de já terem a cirurgia pré-agendada. As primeiras palestras no Estado serão realizadas em Palmas, no dia 16 de abril, e em Araguaína, no dia 17. Mais informações no site www.projetoorelhinha.com.br ou pelo telefone 0800 718 7804.

Valor

O Projeto realiza, desde 2010, cirurgias cobrando, em média, um terço do valor de mercado do procedimento. Isso é possível porque, para que as cirurgias aconteçam, o Orelhinha faz parcerias com especialistas e centros médicos a fim de baratear os custos por meio de mutirões.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

8 dicas do Corpo de Bombeiros para curtir a temporada de praias com segurança

Orientações servem para reduzir os riscos de acidentes durante a alta temporada

Publicados

em

Para que a alegria e a diversão não acabem em tragédia, confira as dicas dos Bombeiros de como se comportar e prevenir acidentes como afogamentos

Os meses de junho e julho no Tocantins são considerados de alta temporada devido à temperatura que faz com que diversas praias de água doce surjam nos rios do Estado. Com isso, todo cuidado é pouco para curtir o período de verão com muita segurança.

Segundo balanço divulgado pelo Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (CBM/TO), referente à Operação de Praia realizada entre junho e julho do ano passado, 34.512 ocorrências foram atendidas, sendo duas por afogamento/salvamento aquático; oito por afogamento seguido de morte; 18 por atendimento pré-hospitalar; 34.470 ações de prevenção; e 14 de outras naturezas.

Para que a alegria e a diversão não acabem em tragédia, confira as dicas dos Bombeiros de como se comportar e prevenir acidentes como afogamentos.

1 – Use colete salva-vidas

De acordo com os Bombeiros, as boias transmitem falsa sensação de segurança, já que elas podem virar e a criança se afogar. Pessoas utilizando boias tendem a se distanciar da margem. É importante que as crianças permaneçam utilizando colete salva-vidas.

2 – Atenção 100% nas crianças

Mantenha a distância máxima de um braço da criança. Celulares, livros e conversações são elementos de distração, os evite enquanto estiver com crianças em ambientes aquáticos. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a total supervisão dos pais é a melhor forma de prevenir afogamentos.

3 – Se beber, não nade

Conforme os Bombeiros há casos de pessoas alcoolizadas, vítimas de afogamento fatal, em locais com meio metro de profundidade. Isso acontece, porque pessoas alcoolizadas ficam com menos precisão, diminuem a noção dos riscos, têm prejuízos quanto à coordenação motora, força, respiração e circulação. Esses fatores aumentam significativamente as chances de exaustão e/ou mal súbito, que em meio aquático, podem levar ao afogamento fatal.

O recomendável pelo CBM é que ao adentrar na água, a pessoa que estiver alcoolizada esteja acompanhada por um responsável que não tenha ingerido bebida alcoólica.

4 – Se comer, não nade

De acordo com o Corpo de Bombeiros, se a pessoa acabou de consumir alimentos, principalmente de difícil digestão, e foi fazer exercício físico, o sistema digestório e o trabalho muscular estarão competindo pelo maior fornecimento de sangue.

Como resultado, algumas pessoas podem ter desconforto gástrico, refluxo e até mesmo vomitar. Além disso, podem ocorrer câimbras. Dependendo da intensidade e, se o indivíduo estiver na água, pode haver mal súbito, submersão e afogamento. Segundo os bombeiros, são comuns afogamentos após alimentação.

5 – Cuidado com as embarcações

Diversas praias no Tocantins são ilhas, já que ficam situadas no meio do rio. Em razão disso, o transporte geralmente é feito por meio de embarcações como voadeiras e balsas.

A recomendação dos Bombeiros é sempre utilizar o colete salva-vidas e verificar se a embarcação está respeitando o limite máximo de passageiros. Segundo o CBM, grande parte dos óbitos por afogamento no Tocantins acontece com usuários em embarcações e em atividades de pesca.

6 – Competições Aquáticas

Competições como travessias só devem ser realizadas quando houver uma equipe de segurança, pois, a exaustão ou mal súbito podem levar à submersão e ao afogamento. Outra recomendação dos Bombeiros é que as pessoas evitem nadar durante a noite ou em locais isolados.

Saltos de elevações provocam perda de consciência seguida de afogamento, ou em outros casos, fraturas, traumas raquimedular, paraplegia ou tetraplegia. Em caso de trovoadas, permaneça longe da água.

7 – Afogamentos

Se você avistar alguém se afogando, não se lance na água para tentar salvar a pessoa, forneça objetos flutuantes como boias e caixas térmicas, ou tente estender uma galhada ou corda para a vítima.

De acordo com os Bombeiros, pessoas sem treinamento não conseguem resgatar a nado um afogado e, geralmente, se afogam nessa tentativa.

8 – Acampamentos

Os Bombeiros destacam que, geralmente, nos locais de acampamentos não há sistemas de prevenção a afogamentos como guarda-vidas, placas de sinalização, delimitação da área de banho sinalizada e com profundidade segura, delimitação de área de embarcações.

Diante disso é recomendável que os organizadores do acampamento se antecipem aos acontecimentos. A dica é que o grupo leve uma boia amarrada a uma corda para casos de emergência. Reúna os participantes, faça uma leitura de dicas de prevenção e afogamentos.

 

Continue Lendo

Cidades

Vigésimo Arraiá da Amizade encerra ao som de muito forró e animação

Publicados

em

 

A vigésima edição do Arraiá da Amizade de Gurupi encerrou nesse domingo, 16, ao som de muito forró arrasta pé e estilizado. A animação foi o ingrediente que deu o tom às três noites de festa, que  nesse aconteceu juntamente com a terceira edição do Arraiá da UnirG.

Na despedida do arraiá, a junina Fulô de Mandacaru de Porto Nacional levou à arena a magia de Hary potter, que encantou adultos e crianças.

A secretária municipal de Cultura, Zenaide Dias, destacou que o evento foi um sucesso, sendo que nesse ano, foi a primeira vez que uma banda de renome nacional se apresentou no evento que já faz parte do calendário oficial de festividades de Gurupi. “Terminamos com saldo positivo, com participação efetiva do público que compareceu nas três noites. Estamos com a sensação de missão cumprida e já pensando na 21ª edição”, comentou.

Após a apresentação da junina, o público foi animado pela Banda Xamego Meu que cantou grandes sucessos de  forró e outros estilos.

Ingrid Soares participou de duas noites do evento e comenta que ficou satisfeita com a organização, animação e talento dos grupos que se apresentaram. Ela que já participou do arraiá em anos anteriores promete que ano que vem estará novamente prestigiando os talentos do Tocantins.

Arraiá da Amizade 

Durante os três dias de evento, as juninas deram um show de criatividade levando ao público diversas discussões de temas atuais como preconceito, intolerância religiosa, educação, valorização da cultura nacional.

O evento faz parte do projeto Cultura e Arte por Toda Parte e é considerado uma das festas mais populares de Gurupi. O evento está há 20 anos no calendário oficial do município e tem o objetivo de incentivar e valorizar uma das maiores manifestações da cultura popular brasileira: a festa junina.

Continue Lendo

Cidades

Prefeito Joaquim Maia entrega materiais pedagógicos para os alunos da Escola Maria de Melo em Luzimangues

Publicados

em

 

A Prefeitura de Porto Nacional, através da Secretaria Municipal da Educação entregou diversos materiais pedagógicos para a Escola Municipal Maria De Melo, no Distrito de Luzimangues. O objetivo da inciativa é o de facilitar a aprendizagem e a educação de centenas de alunos da rede municipal de ensino. Cerca de 20 escolas serão beneficiadas com as entregas. O evento aconteceu na última quinta-feira, 13.

Dentre os materiais estão jogos didáticos, bambolês, cones médios, bolas de futebol e vôlei, canetas, lápis, mesas de ping pong, globos geográficos, tapetes de amarelinha, jogos de futebol de botão, tabuleiros, redes de futebol de campo, chamex A4, redes de vôlei, bombas de encher bolas, apitos, damas de trilhas, cordas, jogos de dominó, jogos de tacos de madeira completos, diversos jogos de memória, petecas, papéis EVA, bastões de cola quente, tesouras, borrachas, lápis de cor e giz de cera.

“Nossa gestão tem um cuidado especial com a educação, principalmente com nossas crianças de adolescentes. Isso tudo é resultado de um esforço muito grande de toda a equipe técnica, bem como, de todos os profissionais. Estamos oportunizando o aprender bem e melhor”, ressaltou o prefeito Joaquim Maia.

Segundo a secretária da Educação, Shyrleide Maia, mais de 18 escolas do munícipio serão beneficiadas com a iniciativa. A Escola Maria de Melo foi a quarta unidade escolar a receber os materiais.

“Estamos percorrendo as escolas de Porto Nacional para realizar essas entregas que são de suma importância para a comunidade escolar. O desenvolvimento educacional certamente será ainda mais eficaz”, disse a Secretária.

Conforme a gestora Educacional da Escola Maria de Melo, Leonice Nunes, a Unidade recebe, pela segunda vez, esses materiais pedagógicos. “É uma alegria e emoção muito grande receber das mãos do prefeito, itens tão importantes para um melhor desenvolvimento da educação de nossos alunos. Com isso, conseguiremos aumentar o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB)”, finalizou Leonice Nunes.

Continue Lendo