Conecte-se conosco

Geral

Prêmio da Mega-Sena pode chegar a R$ 33 milhões neste sábado

Publicados

em

Aposta mínima é de seis dezenas e custa R$ 3,50

O concurso 2.117 da Mega-Sena, que será sorteado na noite deste sábado (19), poderá pagar um prêmio de R$ 33 milhões a quem acertar as seis dezenas. O sorteio está marcado para as 20h, em Piratuba, Santa Catarina.

Também são distribuídos prêmios para os que acertarem quatro ou cinco números dentre os 60 disponíveis no volante de apostas.

A aposta mínima, de seis números, custa R$ 3,50.

Os jogos podem ser feitos até as 19h (hora de Brasília) de hoje, em qualquer lotérica do país, ou pela internet, no site Loterias Online da Caixa Econômica Federal.

A Mega-Sena deste sábado (19) é a de número 2.117, e não 2.118, como tinha sido publicado

EBC

Geral

Tocantins cumpre meta e garante mais recursos para realização de cirurgias eletivas em 2019

Valor de R$ 1.119.753,73 será destinado para realização de mais de 5 mil novos procedimentos 

Publicados

em

Foram realizadas 5.141 cirurgias, de janeiro a 10 de dezembro de 2018, pelo Governo do Tocantins

Por cumprir a meta de realizar mais de 5 mil cirurgias eletivas e, assim, aplicar todo o recurso financeiro destinado pelo Ministério da Saúde, em 2018, o Tocantins foi novamente contemplado com novos recursos no valor de R$ 1.119.753,73, para a realização deste tipo de procedimento em 2019. A prorrogação da estratégia de ampliação do acesso aos Procedimentos Cirúrgicos Eletivos no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) foi liberada pela Portaria nº 195 de 6 de fevereiro, publicada no Diário Oficial da União, da última segunda-feira, 11.

O cumprimento da meta, segundo o secretário de Estado da Saúde (SES-TO), Renato Jayme, se deu pelo comprometimento de todos os profissionais envolvidos. “Toda a equipe da Secretaria se esforçou muito, seja na parte burocrática e administrativa, nas áreas técnicas ou nas unidades hospitalares, no ato das cirurgias. Estamos felizes em começar 2019 com a certeza de que teremos suporte financeiro para realizarmos mais de 5 mil cirurgias neste ano”, destacou.

Entre os destaques das ações que promoveram a realização das 5.141 cirurgias de janeiro a 10 de dezembro de 2018, está o Opera Tocantins, que terá continuidade pela Secretaria de Estado da Saúde em 2019. Segundo o balanço anual feito pela Superintendência de Planejamento da pasta, o Estado teve um crescimento significativo em número de eletivas, se comparado com os anos de 2016 em que realizou 2.727 cirurgias eletivas e 2017, com 3.338.

De acordo com o superintendente de Atenção e Promoção à Saúde da SES, Carlos Felinto, a pasta está se organizando para promover novos mutirões e ações necessárias para que a meta seja novamente alcançada. “As cirurgias eletivas estão sendo realizadas nas unidades hospitalares regidas pelo Executivo Estadual, obedecendo a critérios, avaliação médica e, aliado a isso, estaremos promovendo eventos em unidades específicas para atender a demanda de pacientes cadastrados no Sistema de Regulação da Secretaria, aguardando uma cirurgia eletiva”, enfatizou.

Procedimentos

Estão contempladas pela Portaria pequenas cirurgias de pele, tecido, subcutâneo e mucosa; de glândulas endócrinas; do sistema nervoso central e periférico; vias aéreas superiores, face, da cabeça e do pescoço; aparelho da visão; aparelho circulatório e digestivo, órgãos anexos e aparelho abdominal; aparelho osteomuscular e geniturinário e cirurgias da mama.

 

Continue Lendo

Geral

Ruraltins participa de seminário sobre a cadeia produtiva de arroz

Evento reuniu instituições parceiras da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) no desenvolvimento dessa cadeia produtiva no Estado

Publicados

em

A integração entre a extensão rural, a pesquisa e o produtor rural proporcionou a implantação de 80 Unidades Demonstrativas de arroz no Estado

O Seminário Arroz do Tocantins, realizado nessa terça-feira, 4, reuniu instituições parceiras da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) no desenvolvimento dessa cadeia produtiva no Estado. O evento foi realizado na sede da Embrapa Pesca e Aquicultura, em Pamas.

Há cinco anos atuando em parceria com a Embrapa, por meio da celebração de convênios, o Instituto de Desenvolvimento Rural do Tocantins (Ruraltins) participou do evento apresentando resultados de ações conjuntas e os benefícios para os produtores rurais. De acordo com o engenheiro agrônomo Edmilson Rodrigues, responsável pela explanação, a integração entre a extensão rural, a pesquisa e o produtor rural proporcionou a implantação de 80 Unidades Demonstrativas (UDs) de Arroz Terras Altas, chamado de arroz sequeiro, alcançando 650 agricultores em todas as regiões do Tocantins, totalizando 80 municípios.

“Essa parceria está sendo fundamental para resgatar e fortalecer a cadeia produtiva do arroz, que muitas vezes é acometida por pragas e doenças, desestimulando o produtor. Então, por meio desse trabalho integrado, implantamos as unidades utilizando variedades de arroz desenvolvidas pelos pesquisadores da Embrapa, tendo em vista a alta produtividade e a qualidade de grãos. Aqui destacamos as variedades BRS Serra Dourada, BRS Sertaneja e BRS Esmeralda, as mais cultivadas entre os agricultores atendidos por nós do Ruraltins, pois são apropriadas ao clima e livres de doenças, como a bruzone”, frisou

Edmilson Rodrigues destacou ainda outras diversas atividades realizadas entre Embrapa e Ruraltins resultando em cursos de capacitação para 50 técnicos, palestras, Dias de Campo, não só no cultivo de arroz como também, feijão e mandioca.

“Nossa proposta com essa parceria é justamente trazer novas formas de produção para os agricultores em todo Estado, visando diversificar a produção nas propriedades rurais, além de propor alternativas para a recuperação de áreas degradas na formação de pastagens, gerando lucro e minimizando custos”, disse o engenheiro agrônomo, ressaltando que os produtores têm todo acompanhamento técnico necessário para a sua atividade, que vai desde a preparação do solo, a correção, a adubação, o plantio, a colheita até a comercialização.

O agricultor Alicio Alves, da Fazenda Cria Bem, localizada no município de Crixás, na região sul do Estado, é um dos exemplos bem sucedidos dessa parceria. Há cerca de três meses, ele implantou uma UD de cinco hectares, adotando o Sistema Barreirão, que é uma tecnologia utilizada para a recuperação de pastagens, consorciada com culturas anuais. Na propriedade, o agricultor, por meio da assistência técnica do Ruraltins, aliou o cultivo de arroz, consorciado com o capim, e já colhe agora os primeiros resultados.

“Já completando 90 dias, o capim está na altura para a entrada dos animais, e o arroz bem cacheado. A UD está bem bonita, tudo perfeito. A área produziu 3.500 kg de arroz por hectare (58 sacos), que, com a comercialização do grão, já cobre os custos de preparo da área, além de ter a pastagem recuperada”, frisou.

Durante o seminário, o pesquisador da Embrapa, Daniel Fragoso, falou da atuação da empresa no Estado, e outras instituições presentes também falaram de suas ações conjuntas.

Na oportunidade, foi assinado um acordo de cooperação técnico financeiro entre a Embrapa e as empresas privadas Uniggel Sementes, Sementes Simão e Sementes Brazeiro no valor de R$ 1,2 milhão distribuído por cinco anos.

 

Continue Lendo

Geral

Em 14 municípios do Tocantins o fornecimento de energia elétrica será suspenso temporariamente

Publicados

em

….

O sistema elétrico do Tocantins está cada vez mais moderno e robusto, o que garante maior qualidade no fornecimento de energia para os tocantinenses. Esse trabalho de melhoria na rede de energia é constante e segue um cronograma de obras em todas as regiões do Estado. Até o dia 8/2, 14 municípios do Tocantins receberão obras de melhorias e manutenções. As obras incluem deslocamento e substituição de postes de rede de média e baixa tensão, manutenção da rede elétrica, limpeza de faixa, substituição de cruzetas, instalação de equipamentos mais modernos e outros serviços.

Alberto Cunha, gerente de Construção e Manutenção da Energisa, destaca que um novo cronograma de obras será divulgado semanalmente. Ele comenta que as melhorias irão proporcionar um serviço de maior qualidade, trazendo mais bem-estar e conforto para os clientes desses municípios. “Com esse investimento, o sistema elétrico local fica preparado para acompanhar o aumento futuro do consumo de energia, tanto do parque industrial, quanto do consumo das classes comercial e residencial, tornando a rede mais resistente aos fatores climáticos, como as chuvas severas que atingem a região.”


DESLIGAMENTO PROGRAMADO

Para realização das obras serão executados desligamentos programados até o dia 8/2. Confira o Cronograma:

 

ARAGUAÍNA

4/2/2019

5/2/2019

6/2/2019

7/2/2019

8/2/2019

Urbana

GUARAÍ

5/2/2019

Urbana

PALMAS

5/2/2019

6/2/2019

7/2/2019

8/2/2019

Urbana e rural

PINDORAMA

5/2/2019

6/2/2019

7/2/2019

8/2/2019

Rural

 

AUGUSTINPÓLIS

5/2/2019

Urbana

ITAGUATINS

5/2/2019

6/2/2019

7/2/2019

Rural


OLIVEIRA DE FÁTIMA

5/2/2019

Rural

 

FILADELFIA

8/2/2019

Urbana


SAMPAIO

7/2/2019

Urbano

 

DUERÉ

7/2/2019

Urbano

 

PARAÍSO DO TOCANTINS

7/2/2019

Rural

 

 ARAGUANÃ

5/2/2019

Rural

 

MAURILÂNDIA

8/2/2019

Rural

 

PUGMIL

6/2/2019

Rural

 

Continue Lendo