Conecte-se conosco

Polícia

Polícia Miltar forma 24 alunos da 12ª turma de Força Tática

Curso, sediado pelo 6° Batalhão da PMTO, teve início no dia 6 de dezembro de 2018 com aproximadamente 40 participantes, entre PMs do Tocantins, Maranhão e Goiás, bem como técnicos de Defesa Social

Publicados

em

A Polícia Militar do Estado do Tocnatins formou, na manhã desta quinta-feira, 10, 24 alunos da 12ª Turma da Força Tática. A solenidade foi realizada no Pátio do Quartel do Comando Geral em Palmas.

O evento contou com a presença do comandante geral da PMTO, coronel Jaizon Veras Barbosa; da deputada estadual e madrinha da turma, Luana Ribeiro; do chefe do estado-maior, coronel Henrique de Souza Lima Júnior; do comandante do 4º Batalhão da Polícia Militar do Maranhão, tenente coronel Juarez Medeiros Sobrinho; do comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar de Goiás, major Evando Polidório Lustosa; e demais autoridades militares.

O curso sediado pelo 6° Batalhão da PMTO teve início no dia 6 de dezembro de 2018 com aproximadamente 40 participantes, entre policiais militares do Tocantins, Maranhão e Goiás, bem como técnicos de Defesa Social, onde 16 pediram desistência voluntária no decorrer dos 36 dias de formação.

Posterior à apresentação da tropa ao Comandante Geral da PMTO, coronel Jaizon Veras Barbosa, foi entoado o Hino Nacional Brasileiro, seguido da entrada dos alunos formandos que foram apresentados pelo coordenador do curso, capitão Wallas de Sousa Melo.

O evento seguiu com um momento de oração proferido pelo padre João Camilo Macário e a leitura da Ata de Conclusão, em quem o 3º sargento PMTO, Marisvaldo Sávio Arruda Lemos foi o 1º colocado, seguido pelo soldado da PMMA, Gedson Augusto Muniz da Silva.

Formados e certificados, os integrantes do Curso da Força Tática realizaram um momento de homenagens a cinco militares do 6º Batalhão que contribuíram para a estruturação da Força Tática na unidade, bem como para a senhora Maria Aurora Pereira de Melo, mãe do 2º sargento Junivaldo Pereira de Melo (in memoriam) que empresta o nome à turma; ao comandante da PMTO, coronel Jaizon Veras Barbosa; ao chefe do Estado Maior, coronel Henrique de Souza Lima Júnior; ao comandante do policiamento do interior, coronel Humberto Costa Parrião; e o comandante do policiamento da capital, coronel Cláudio Thomaz Coelho de Sousa.

Segundo o soldado Wanderson Ferreira Cordeiro, orador da turma, o curso é intenso, “onde todos sofrem juntos, choram juntos e lutam juntos, assim, no passar dos dias se tornam uma família e compreendem o real significado da palavra resiliência, onde um indivíduo lida com um problema e adapta-se às mudanças, superando obstáculos e resistindo à pressão, ainda assim consegue voltar ao seu estado natural, após uma situação crítica e fora do comum”.

Para o comandante geral, coronel Jaizon Veras Barbosa, os mais novos taticanos deverão somar e multiplicar seus conhecimentos junto à tropa, pois todos são irmãos e possui o mesmo objetivo de trabalhar na proteção da sociedade. “Reconheço o empenho de todos esses profissionais que conseguiram finalizar o curso e cumprir sua etapa, sendo forjados para atuarem em ocorrências de média complexidade, apoiando os demais policiais operacionais nos atendimento diários”, ressaltou o comandante.

Encerrando a solenidade, a equipe formada entoou a oração do taticano e solicitou permissão para ordenar o último fora de forma do curso.

Força Tática

A Força Tática é o pelotão de patrulhamento tático subordinado diretamente aos comandantes de unidades operacionais da PMTO e tem como missão principal realizar o policiamento ostensivo de maior complexidade e atuar em ocorrências que fujam do cotidiano normal da OPM, excetuando as intervenções características da Companhia Independente de operações Especiais (CIOE).

Ao todo já foram realizados 12 cursos, sendo quatro em Palmas, um em Araguaína, um em Colinas do Tocantins, um em Araguatins, um em Gurupi, dois em Dianópolis, um em Lagoa da Confusão e um em Paraíso do Tocantins.

 

Polícia

Professor universitário e jovem são presos por tráfico de drogas em Gurupi

De acordo com a Delegacia de Investigações Criminais (Deic), o professor C.A.S e o jovem M.T.C, foram capturados, em suas respectivas residências, após o cumprimento de mandados de prisão preventiva

Publicados

em

Presos em Gurupi

Um professor da Universidade Federal do Tocantins (UFT) e um jovem de 20 anos foram presos na tarde desta última segunda-feira, 18, em Gurupi, por envolvimento com tráfico de drogas. De acordo com a Delegacia de Investigações Criminais (Deic), o professor C.A.S. e o jovem M.T.C., foram capturados, em suas respectivas residências, após o cumprimento de mandados de prisão preventiva.

Na ocasião, os agentes da DEIC-SUL também efetuaram a apreensão de 27 mudas de maconha, bem como tabletes da mesma droga, além de arma de fogo, munições, balança de precisão e dinheiro.

Conforme o delegado Rafael Fortes Falcão, titular da unidade especializada, as ordens judiciais foram expedidas pelo Poder Judiciário após a conclusão das investigações de combate ao tráfico de drogas que resultaram nas prisões de outros quatro indivíduos em 11 de janeiro.

Com a prisão do primeiro grupo criminoso, os investigadores da Polícia Civil passaram a analisar as informações obtidas e conseguiram identificar a participação de M.T.C. e C.A.S. na venda ilícita de entorpecentes e financiamento ao tráfico, razão pela qual ambos foram indiciados e suas prisões preventivas decretadas.

Os policiais civis também cumpriram mandado de busca e apreensão na residência do jovem, sendo que, no local, foram encontrados uma balança de precisão e um aparelho celular. Além disso, os agentes também localizaram no interior do imóvel uma arma de fogo ilegal, bem como carne de animal silvestre, de propriedade do pai do suspeito, que também foi preso em flagrante pela prática desses crimes.

Após a realização dos procedimentos legais cabíveis, os três suspeitos foram encaminhados à carceragem da Casa de Prisão Provisória de Gurupi, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário.

Continue Lendo

Polícia

Polícia recupera objetos furtados de residência e apreende drogas em Gurupi

Publicados

em

Os policiais militares do 4º Batalhão conseguiram recuperar dois televisores, uma câmera fotográfica digital e uma lanterna. Os objetos foram furtados do interior da residência de uma mulher, no Setor Cananã II, em Gurupi.

A vítima informou que havia saído de casa e ao retornar percebeu que alguém arrombou a janela e furtou alguns objetos. A mulher desconfiou que o autor pudesse ser um dos vizinhos.

Diante da suspeita da vítima, os policiais foram até a casa vizinha, onde foram recebidos por uma senhora que autorizou a entrada da equipe para uma busca. Os materiais estavam escondidos em baixo do colchão. Ao ser questionada sobre os objetos encontrados, a moradora afirmou que não tinha conhecimento da situação e não descartou a possibilidade dos seus dois filhos serem os responsáveis pelo furto.

Com o auxílio do cão farejador Zeus, da Força Tática do 4º BPM, os policiais encontraram 250 gramas de crack, embalada dentro de uma caixa de papel.

A droga e os objetos recuperados foram encaminhados à Central de Flagrantes para as providencias cabíveis.

Os dois homens, suspeitos de praticarem o furto, não foram localizados.

Continue Lendo

Polícia

Polícia apreende arma de fogo e cocaína em Gurupi, três indivíduos foram detidos

Publicados

em

Um homem e um adolescente, 25 e 13 anos, respectivamente, foram detidos na noite de sexta-feira, 15, acusados de tentativa de roubo, em Gurupi. No momento da abordagem realizada pelos policiais militares do 4º Batalhão o adulto portava uma arma de fogo, de fabricação caseira.

A vítima fez contato com a central de emergência da Polícia Militar e informou que havia sofrido uma tentativa de roubo, efetuada por dois indivíduos, ambos transitavam numa bicicleta. Diante das informações os componentes das viaturas iniciaram as diligências em busca dos suspeitos e rapidamente localizaram os infratores.

Os envolvidos foram encaminhados à Central de Flagrantes juntamente com a arma e a bicicleta para os procedimentos cabíveis.

Prisão de Traficante

Ainda na noite de sexta-feira, 15, em Gurupi, os policiais militares do 4º Batalhão efetuaram a prisão de um homem, 24, por tráfico de entorpecente, com ele foram encontradas 300 gramas de cocaína.

Através de uma denúncia anônima, os policiais conseguiram localizar o infrator. No momento da prisão o autor disse que teria pego a droga com o enteado e seria vendida para um outro homem. Diante dos fatos o envolvido e a cocaína foram encaminhados à delegacia para os procedimentos aplicáveis ao crime.

Continue Lendo