Quinta, 16 de agosto de 2018
Cidades

17/05/2018 ás 06h04

Romilton

Palmas / TO

Governo lança escola Militar em Gurupi e marca data para edital para processo seletivo
“Com a ampliação nós vamos conseguir atender em torno de 640 alunos em dois turnos do primeiro ao terceiro ano do ensino médio”, disse a secretária Adriana Aguiar sobre a implantação do Colégio da Polícia Militar que será instalado nas instalações do antigo Colégio Estadual Rui Barbosa, localizado no Centro da cidade para ser a mais nova unidade do CPM.
Governo lança escola Militar em Gurupi e marca data para edital para processo seletivo
Alunos do Colégio Militar de Palmas acompanharam o lançamento do modelo escolar em Gurupi

A Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) e a Polícia Militar do Estado do Tocantins (PMTO) assinaram na manhã desta quarta-feira, 16, o Termo de Lançamento da VII Unidade do Colégio da Polícia Militar do Tocantins  (CPM) em Gurupi, sul do Tocantins.


“Em outubro publicaremos o Edital para o processo seletivo, em novembro acontecerá as inscrições, em dezembro as provas e o início das aulas conforme o calendário letivo da Seduc padrão para 2019”, disse a secretária de Educação.



O Colégio Militar será instalado no antigo Colégio Estadual Rui Barbosa


Na ocasião, a professora Adriana Aguiar também destacou que a unidade passará por reforma para melhor atender alunos e professores. “Nesta obra, serão investidos mais de R$ 1,2 milhão. Esta é mais uma oportunidade de ensino para o aluno. Vale ressaltar a qualidade das escolas públicas de Gurupi, e essa implantação atende a uma reivindicação da comunidade escolar”, concluiu.



Alunos do Colégio Militar de Palmas acompanharam o lançamento do modelo escolar em Gurupi.


Para o coronel Marcelo Falcão, a parceria tem trazido bons resultados no processo ensino-aprendizagem. “O Colégio da Polícia Militar tem um modelo de gestão com foco na disciplina, na organização e na concentração dos alunos. Os colégios militares são destaques no Exame Nacional do Ensino Médio e referência no ensino”, ponderou.



Além da assinatura da parceria, a secretária percorreu a estrutura da escola, que passará por reforma


Karina Alves de Almeida, aluna do 9º ano do ensino fundamental da Escola Estadual Dr. Joaquim Pereira da Costa, frisou que pretende estudar na nova unidade do CPM, assim que estiver em funcionamento. “Meu sonho sempre foi ser policial militar. Fazer parte desta escola e conviver com esses profissionais, que admiro, contribuirão para o meu crescimento pessoal e profissional”, afirmou.


Conforme o estudante Mateus Rodrigo Pereira Lucena, de 15 anos, do Centro Educacional Paroquial Fé e Alegria Bernardo Sayão, esta é uma oportunidade a mais para que ele possa “alcançar seus sonhos e ter exemplos de profissionais para se espelhar”, enfatizou.


Colégio da Polícia Militar


Atualmente, o Tocantins conta com seis unidades de Colégio da Polícia Militar, atendendo mais de 5.500 estudantes. Estas unidades estão instaladas em Paraíso do Tocantins, Araguatins, Araguaína, Arraias e Palmas. A VII Unidade, que ofertará da 1ª a 3ª série do ensino médio, foi implantada em Gurupi, e atenderá mais de 600 alunos. A meta do Governo do Tocantins é que mais três unidades sejam implementadas ainda neste ano em Guaraí, Porto Nacional e Colinas.



Davi Abrantes, diretor Regional de Educação de Gurupi


Davi Abrantes, diretor Regional de Educação de Gurupi, reforçou que as escolas vêm apresentando jovens cada vez mais preparados para os exames de admissão em universidades e atuação imediata no mercado de trabalho. “Mais uma unidade educacional no município representa um ganho imenso, pois a educação é uma ferramenta transformadora da sociedade”.  Após a solenidade de lançamento, a equipe técnica da Seduc visitou o prédio onde funcionará a VII Unidade Militar do Tocantins. (Com informações de Thaís Souza/Seduc)

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium