Quarta, 18 de julho de 2018
Brasil

29/12/2017 ás 09h53

Romilton

Palmas / TO

Governo dobra repasses por alunos para escolas
Escolas de ensino regular tiveram reajuste de R$ 140 em 2016, para R$ 273 em 2017; já as escolas de tempo integral tiveram aumento de R$ 220, para R$ 546, incluindo escolas especiais



O ano de 2017 foi altamente positivo para a Educação do Tocantins. As ações do Governo do Tocantins permitiram um salto de qualidade no ensino e na aprendizagem em todo o Estado. Já no início do primeiro semestre deste ano, foi retomado, pela Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), o programa Escola Comunitária de Gestão Compartilhada, que foi reestruturado, contemplando projetos e ações voltadas para a consolidação de uma educação de qualidade, priorizando a participação da comunidade no planejamento e na tomada de decisões.


A partir deste ano, os valores per capita de repasse por alunos às escolas foram aumentados. As escolas de ensino regular tiveram reajuste de R$ 140 em 2016, para R$ 273 em 2017; já as escolas de tempo integral tiveram aumento de R$ 220, para R$ 546, incluindo escolas especiais, indígenas e de educação do campo. Além dos reajustes nos repasses, as escolas passaram a ter, com o programa Escola Comunitária de Gestão Compartilhada, autonomia para processos de reformas no valor de até R$ 150 mil.


Com o aumento nos repasses, foi possível para a Escola Estadual Girassol de Tempo Integral Beira Rio, que fica no distrito de Luzimangues, em Porto Nacional, instalar câmeras de segurança nas salas de aula e nas demais dependências do colégio, ajudando assim a manter a segurança do local. “Com o aumento do valor por aluno, que é repassado pelo Governo às escolas, nós conseguimos instalar câmeras de segurança por todo o colégio, dando mais segurança aos nossos alunos e servidores”, contou a diretora da escola, Luzeni Lourenço de Araújo Correia.


Para a titular da Seduc, professora Wanessa Sechim, a retomada do Programa Escola Comunitária de Gestão Comunitária, “um compromisso do governador Marcelo Miranda que já começa a mostrar bons resultados. Acredito que essa ação de Governo contribuiu para fortalecer muito a gestão das escolas do Tocantins”, disse.


Pensando no bem-estar de alunos e professores, o Governo do Tocantins investiu na modernização das escolas. Durante todo o ano, o Executivo realizou obras de construção reforma e ampliação de escolas em todo o Tocantins. Ao todo, essas obras receberam um investimento de R$ 9.705.873,55.


Outra importante conquista para a educação pública do Tocantins foi o retorno das parcerias com o Instituto Ayrton Senna (IAS) para a implementação dos programas Acelera Brasil; Circuito Campeão; e Se Liga, todos voltados para a alfabetização e os anos iniciais do ensino fundamental. Com os programas, cerca de 45 mil alunos das redes estadual e municipais de ensino foram atendidos. Na execução dos programas, foram investidos recursos da ordem de R$ 3,5 milhões do Tesouro Estadual.


Gestão Escolar


Além do programa Escola Comunitária de Gestão Compartilhada, o Governo investiu também na modernização da gestão das escolas da rede estadual de ensino. Depois de ser consagrado campeão como Escola Referência Estadual do Prêmio Gestão Escolar (PGE) 2017, o Centro de Atenção à Criança Girassol de Tempo Integral (Caic), de Palmas, venceu, em Rio Branco, capital do Acre, a etapa Norte do Prêmio. Com a conquista, o Tocantins foi finalista nacional da premiação que visa reconhecer as boas práticas e incentivar o aprimoramento dos processos de gestão das escolas públicas, além de promover ações que possibilitem a troca de experiências entre gestores.


Outra antiga demanda da comunidade escolar, o processo seletivo para os diretores das escolas da rede estadual de ensino, se tornou uma realidade em 2017. O certame encerrou sua primeira etapa em novembro, com a lista dos classificados nas provas objetivas do processo, que conta ainda com outras três fases: entrega de Planos de Gestão Escolar, Análise de Títulos dos Candidatos e a Entrevista.


Partindo da necessidade de promover uma aproximação da Seduc com as escolas da rede estadual de ensino e com as Diretorias Regionais de Educação (DREs) e as escolas, a gestão da pasta promoveu, desde março deste ano, visitas às sedes das 13 regionais de Educação. Durante esses encontros de trabalho, foram realizadas reuniões e atendimentos a técnicos das DREs, diretores e coordenadores pedagógicos das escolas. Prefeitos e gestores educacionais dos municípios também foram ouvidos, reforçando a parceria entre o Governo do Tocantins e os municípios, visando ao desenvolvimento da educação.


Enem


Sabendo da importância do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para o ingresso dos alunos formados no ensino médio na faculdade, o Governo executou diversas ações para uma melhor capacitação dos estudantes. Com o lançamento da campanha #TONOENEM, os alunos puderam contar com uma plataforma digital com videoaulas, planos de estudos e dicas importantes para a realização da prova, que é porta de entrada para as universidades brasileiras.


Além disso, foram realizados dois simulados do Enem. O objetivo foi preparar os alunos para o ambiente que eles encontrariam nos dois dias de provas. Para tanto, os cadernos de questões eram semelhantes, assim como os cartões de respostas, os horários de abertura e fechamento dos portões das escolas e os fiscais de sala e de corredor, tudo visando simular com o máximo de precisão o ambiente do exame.


Foram realizados também, em seis sábados entre setembro e outubro, os Aulões do Enem que reuniram milhares de estudantes da rede estadual de ensino nos polos implantados em Palmas, Araguaína, Gurupi e Miracema. Durante os aulões, foram reforçados os conteúdos de disciplinas críticas como matemática, física, química, biologia, língua portuguesa, história, geografia e redação. Juntamente com os aulões, os alunos receberam material didático específico com os conteúdos do Enem que também foram distribuídos para os mais de 16 mil estudantes matriculados na 3ª série do ensino médio.


Novo Ensino Médio e Pronatec


Em 2017, o Tocantins aderiu ao Programa de Fomento à Implementação de Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral. Com isso, 12 escolas da rede estadual de ensino que apresentaram baixo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), passaram a oferecer o ensino médio integral no Estado e agora são denominadas como Escolas Jovem em Ação. O diferencial dessas escolas está nos componentes curriculares do Núcleo Comum e da Parte Diversificada, que interagem de forma interdisciplinar, e são adaptados para que os alunos possam escolher, com base em suas experiências e sonhos para o futuro, áreas de conhecimento que são prioritárias em sua rotina escolar.


Já por meio da Superintendência do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), a Seduc ofertou 128 cursos integrados ao ensino médio, além de outros 19 na modalidade de Formação Inicial Continuada (FIC). Por meio do Pronatec, foi possibilitada a formação profissional de 6.567 alunos tocantinenses. Uma novidade para este ano, foi a implementação do Programa MedioTec, que tem como objetivo proporcionar ensino profissionalizante a estudantes do ensino médio com aulas no contraturno das escolas.


Caravana da Juventude


Importante ação do Governo, a Caravana da Juventude já percorreu 98 municípios tocantinenses para levar informação, serviços e conscientização sobre temas como uso de drogas, abuso de álcool e gravidez na adolescência. Milhares de jovens participaram das ações em todo o Estado. A Caravana desenvolveu ainda, durante o período das férias de julho, atividades nas praias às margens dos rios e lagos tocantinenses. Durante essas ações, turistas e residentes receberam orientações e foram conscientizados sobre os assuntos abordados pela Caravana.


Além das ações nas cidades, a caravana percorreu também algumas aldeias indígenas do Estado, levando informações e debatendo o crescente aumento de suicídio de jovens indígenas. As aldeias atendidas foram Boto Velho, Canuanã e Barreira Branca.


Outra ação associada à caravana é a divulgação do ID (Identidade) Jovem, que tem o objetivo de garantir, aos jovens de 15 a 29 anos que possuem renda familiar de até dois salários mínimos, o acesso a espetáculos artístico-culturais e eventos esportivos.


Esportes


O Governo apoiou os atletas tocantinenses e desenvolveu práticas esportivas nas escolas e para a comunidade. Com os Jogos dos Servidores, cerca de 1.500 atletas, de quase 100 órgãos públicos, foram inscritos nas oito modalidades esportivas que compõem a competição.


Para os estudantes, foi realizado no primeiro semestre deste ano a 27ª edição dos Jogos Estudantis do Tocantins (Jets) e dos Jogos Paradesportivos Estudantis do Tocantins (ParaJets). Só nas etapas regionais e nas finais estaduais, cerca de 9 mil alunos/atletas competiram nas categorias 12 a 14 e 15 a 17 anos em 13 modalidades esportivas.


Além disso, o Governo apoiou e beneficiou também mais de 500 atletas para participarem de competições esportivas em eventos estaduais e nacionais e cedeu apoio com materiais e equipamentos esportivos; além de suporte à realização de eventos. Melhorias gradativas e reformas pontuais nos estádios também estão sendo promovidas, já tendo sido atendidos: o Estádio Leôncio de Souza Miranda (Mirandão) e o Estádio Gilberto Resende Rocha (Resendão).





Compartilhe esta notícia



 


O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium