Conecte-se conosco

Cidades

HGP conta com aplicativo que reduz o tempo de assistência ao paciente com AVC

A ferramenta ajuda a equipe a obter suporte na mesma hora em casos de suspeitas de AVC.

Publicados

em

Aplicativo JOIN

Para diminuir o tempo de atendimento e melhorar a comunicação dos profissionais de saúde para reconhecer os sinais clássicos do AVC, foi implantado este ano, no Hospital Geral de Palmas (HGP) o aplicativo Join. A ferramenta ajuda a equipe a obter suporte na mesma hora em casos de suspeitas de AVC. Dentro do hospital todos os profissionais envolvidos num possível caso podem se comunicar com rapidez e eficiência, diminuindo o tempo de atendimento do paciente e aumentando as chances de recuperação sem sequelas.

O médico especialista em neurologia vascular e coordenador do setor de Neurologia Clínica do HGP, Marcelo Cabral, explica que o tratamento apropriado de um AVC nas primeiras quatro horas e meia é crucial para garantir a sobrevivência e diminuir a chance de sequelas. “Este aplicativo otimiza a comunicação da equipe multiprofissional no Hospital e fora dele. O Join torna possível aos profissionais compartilhem informações médicas essenciais, permitindo um auxílio diagnóstico de alta precisão, ajudando a equipe de emergência a obter suporte na mesma hora”, destacou.

O aplicativo faz parte do programa Angels criado pela Boehring Ingelheim, um projeto global que visa aumentar o número de hospitais preparados para o AVC, melhorando a qualidade do tratamento nas Unidades de Cuidado Agudo de AVC- (U-AVC) já existentes. Em 2017, 80 hospitais participaram do projeto e a expectativa é alcançar pelo menos 190 unidades capacitadas.

Unidade de Cuidados Agudos do AVC

Há mais de dois anos o HGP conta com um serviço especialmente destinado aos pacientes que sofrem de AVC, chamada Unidade de Cuidados Agudos do AVC (U-AVC). Com o serviço o Hospital passou a ser referência para o atendimento aos pacientes com AVC, realizando o procedimento com o uso de trombolítico, conforme Protocolos Clínicos e Diretrizes Terapêuticas específicos. Só no HGP em 2017, foram cerca de 100 internações por AVC e 70 em 2018.

Ações

No próximo dia 29 é celebrado o Dia Mundial de Combate ao Acidente Vascular Cerebral (AVC). Para alertar e capacitar os profissionais na identificação do AVC, no dia 26 e 27 de outubro, às 9h, o médico Marcelo Cabral, realizará palestras destinadas aos profissionais médicos e enfermeiros do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) da capital, com intuito de abordar as atualizações de atendimento aos pacientes diagnosticados com AVC.

Tipos de acidente vascular cerebral

Acidente vascular cerebral isquêmico é causado pela obstrução ou redução brusca do fluxo sanguíneo em uma artéria do cérebro, o que causa a falta de circulação vascular na região. O acidente vascular isquêmico é responsável por 85% dos casos de acidente vascular cerebral.

Acidente vascular cerebral hemorrágico acontece quando um vaso se rompe espontaneamente e há extravasamento de sangue para o interior do cérebro. Este tipo de AVC está mais ligado a quadros de hipertensão arterial.

Sinais e sintomas de acidente vascular cerebral

Fraqueza de um lado do corpo

Dificuldade para falar

Perda de visão

Perda da sensibilidade de um lado do corpo

Alterações motoras

Paralisia de um lado do corpo

Distúrbio de linguagem

Distúrbio sensitivo

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Palestra sobre captação da água de ar condicionado e plantio de mudas é realizada em Gurupi

Publicados

em

Na manhã desta sexta-feira (22), Dia Mundial da Água, a Prefeitura de Gurupi por meio da Diretoria de Meio Ambiente, realizou uma palestra sobre captação e reutilização de água de ar condicionado e promoveu o plantio de mudas nativas no pátio do Campus I da UnirG – Universidade de Gurupi junto com acadêmicos do curso de Direito. As ações fizeram parte da programação da semana da água. Durante a tarde, houve doação de mudas e exposição de peças artesanais com material reciclável no Parque Mutuca.

A palestra sobre captação e reutilização da água de ar condicionado foi ministrada pelo topógrafo Gaspar Moura, da equipe da diretoria de meio ambiente. A palestra foi voltada para acadêmicos do curso de Direito da UnirG, da disciplina Direito Ambiental e que fazem parte do projeto de extensão “Meio Ambiente e Cidadania”. “É importante levar essa ideia de preservação aos acadêmicos para que se tornem multiplicadores da sustentabilidade ambiental”, frisou Gaspar.

Em seguida, houve plantio de mudas nativas da região, como Ipê, Jacarandá e Fava de bolotas, no pátio do Campus I da instituição. O plantio contou com a parceria da BRK Ambiental e participação dos acadêmicos. “O conforto ambiental vai melhorar, a temperatura vai baixar e até os estudantes futuramente poderão se acomodar e estudar debaixo das árvores, isso é uma ação que fazemos já pensando no futuro, na qualidade ambiental e no conforto para a comunidade estudantil”, explicou o engenheiro ambiental Diego Rocha.

Um dos acadêmicos que fazem parte do projeto de extensão “Meio Ambiente e Cidadania”, é o Matheus Ximenes, que está no sétimo período do curso de  Direito. Ele participou das ações e falou da importância da preservação da água e do plantio de mudas. “Precisamos fazer dessas ações uma prática diária, para que se tornem espontâneas, dessa forma, ganha o meio ambiente e consequentemente todos nós”, disse.

Doação de mudas e Exposição de recicláveis

Já na tarde desta sexta, a programação prosseguiu com a realização de uma exposição de peças artesanais feitas com materiais recicláveis e doação de mudas para a comunidade. A mobilização aconteceu no Parque Mutuca. A Maria Alice Rodrigues aproveitou para ver as peças da exposição e ainda levou uma muda de jabuticaba para casa. “Ações como essa são muito positivas, pois incentivam as pessoas a plantarem e cuidarem melhor da natureza”, disse.

Encerramento

A programação da semana da água em Gurupi encerra neste sábado (23), no Viveiro municipal.

Dia 23/03/2019

Tema 1: Dia de campo no Viveiro Municipal

Ação 1: Curso de orientação técnica sobre diversos aspectos relacionados ao viveiro

Ação 2: Oficina de produção de sabão caseiro com óleo usado

Local: Viveiro Municipal (Trevo da Rua 7 – Saída para Dueré)

Horário: 08:00h às 12:00h

Continue Lendo

Cidades

Ações de preservação e conscientização no Ribeirão São João são realizadas em Porto

Publicados

em

A Prefeitura de Porto Nacional, por meio da Secretaria Municipal do Planejamento, Habitação, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia realizou nesta sexta-feira, 22 de março, ações para o Dia Mundial da Água, com uma série de atividades voltadas a conservação e preservação do meio ambiente nas margens do Ribeirão São João, principal abastecedor de água do Município.

Tendo em vista a importância da conservação dos mananciais e sobretudo a valorização do nosso recursos natural, a ação foi dirigida pela secretaria executiva do Meio Ambiente, através da Secretária Sarah Mourão, e do Secretário Executivo de Meio Ambiente, Eduardo Benvindo, e contou com a participação de alunos do colégio Sagrado Coração de Jesus, acompanhados pela coordenadora pedagógica, Lylla Barreira, e pelas professoras Sonaira Parente e Annyele Teles.

Ribeirão São João

O prefeito Joaquim Maia, falou da importância da educação ambiental e da importância do Ribeirão São João para o município. “A Prefeitura tem apoiado e estado de portas abertas aos projetos ligados ao nosso meio ambiente, e hoje no dia mundial da água, estamos recendo a visita de vários alunos do Colégio Sagrado Coração de Jesus, que vieram conhecer nosso principal manancial e compreender melhor a sua importância para o presente e futuro das nossas gerações”, disse Joaquim Maia.

O Secretário Executivo do Meio Ambiente, Eduardo Benvindo, ressaltou o papel da sociedade dentro do processo de cuidados que o meio ambiente necessita e que a educação ambiental sempre será uma forma de proteger e conservar os nossos recursos naturais.

“Nesta data onde comemoramos o dia mundial da água, tivemos a satisfação de mostrar a importância do nosso Ribeirão São João de onde nossas casas recebem a água todos os dias, e ainda mostramos aos nossos alunos a importância das áreas de proteção permanentes, que tem entre outras ações a função ambiental de preservar os nossos  recursos hídricos e manter o meio ambiente ecologicamente equilibrado”, frisou, Eduardo.

Continue Lendo

Cidades

Prefeitura de Porto Nacional apoia implantação de projeto no Tiro de Guerra

Publicados

em

A Prefeitura de Porto Nacional, por meio da Secretaria Municipal da Produção, recebeu na manhã de quinta-feira, 21, na sede da Fazendinha da Produção e Horta Educativa no setor Vila Nova, a visita do Chefe de Instrução do Tiro de Guerra 11005, Sub-Tenente, Fábio Eduardo da Silva, acompanhado pela primeira-dama e articuladora do Selo Unicef, Aline Maia.

De acordo com o Secretário da Produção, Jefferson Lopes, a parceria firmada entre Município e o Tiro de  Guerra 11005 possibilitará alcançar mais pessoas e beneficiará a população mais carente e fomentando ainda mais a capacidade alimentar a população.

Benefício social

A visita técnica, segundo o secretário, teve como objetivo discutir a possibilidade de implantar um horta no TG. “A intenção é que uma parte de tudo que for produzida ficará com o tiro de guerra e 50% será revertido para doações a entidades carentes, abrigos e assim por diante.  A ideia inicial é implantar cincos tanques de peixes, a parte de mandioca, milho e hortaliças e assim se tornando um ponto de referência em Porto Nacional”, afirmou Jefferson Lopes.

O Sub-tenente Fábio, chefe de Instrução do TG 11005, comentou sobre o projeto. “Pesquisando na internet vimos esse trabalho desenvolvido pela Prefeitura através da Secretaria da Produção, e hoje tivemos a oportunidade de conhecer in loco as hortas educativas e melhor ampliar a nossa visão do trabalho que queremos implementar no tiro de guerra, por que aqui temos a mão de obra que são os atiradores e a área e espaço e só faltaria a assistência técnica e o suporte que teremos através da Secretaria, que irá nos fornecer através desta parceria”, completou o chefe de instrução.

Dentro da parceria firmada entre Município e Tiro de guerra, a primeira-dama e Articuladora do Selo Unicef, Aline Maia, falou da importância desse projeto ser ampliado e do aspecto social que o mesmo traz para a comunidade.

“Essa parceria ajudará ainda mais as famílias carentes da nossa cidade que terá um incremento especial e gratuito em suas refeições, sabemos da importância do Tiro de guerra que já desempenha um papel social no Município e que agora com a implantação da horta educativa nos dará ainda mais condições de poder ajudar a população com alimentos produzidos dentro do espaço. Essa união faz com que todos sejam beneficiados”, finalizou Aline.

Continue Lendo