Conecte-se conosco

Cidades

Gurupi: Abertas inscrições para o II Simpósio regional de Linguística, Literatura e Artes

Publicados

em

Nos próximos dias 20 e 21, será realizado o II Simpósio regional de Linguística, Literatura e Artes – Sirlla. O evento é uma parceria entre os cursos de Letras e Jornalismo da Universidade de Gurupi e a Academia Gurupiense de Letras – AGL.

As inscrições estão abertas no endereço eletrônico https://iow.unirg.edu.br/eventos/ . Podem participar estudantes, professores, servidores e a comunidade interessada. O custo do investimento é de R$ 20, que deverá ser pago no Centro Acadêmico de Letras, no Campus I, no local do evento ou pela conta bancária da AGL, agência 3863, operação 013, conta 00020454-7.

Conforme o presidente da AGL, Roberto José Ribeiro, “estamos muito otimistas e com as melhores expectativas, pois é um evento que contará com participantes de outros municípios e de outros estados. Os trabalhos renderão bons frutos e ajudarão a elevar o nosso campo cultural”, frisou. 

Programação

O Simpósio será aberto no dia 20, às 19h, no auditório do Campus I. Na oportunidade haverá a palestra “Intercompreensão entre línguas, linguagens e culturas: dos desafios às perspectivas para a produção, difusão e recepção do conhecimento em tempos de internacionalização da formação acadêmica”, ministrada pelo Dr. Rivadavia Porto Cavalcante.

Na primeira noite haverá também, o lançamento do livro, ‘Cantos em Si – Identidade tocantinense’ coordenador do curso de Jornalismo, Me. Paulo Albuquerque  e momento cultural, com o  cantor e compositor Éverton dos Andes e Edmundo.

O evento abordará palestras, mesas-redondas e oficinas, nas área deLinguagem e Ensino; Linguagem e comunicação; Linguagem e Sociedade; Literatura; Literatura e Psicologia; Literatura e outras artes; Ensino e Aprendizagem de Línguas; Linguagens e Expressões Artísticas e Análise do Discurso.

Além dos profissionais da UnirG, o Simpósio contará com a participação de palestrantes de outras instituições como: Instituto Federal do Tocantins – Palmas /Gurupi e AGL.

Para a coordenadora do curso de Letras, Ma. Wellitania Oliveira, “o evento tem como objetivo geral abrir o debate interdisciplinar a partir da ideia de linguagens, literatura e artes dentro do espaço da cultura digital, que se multiplicam em convergência com diversos aspectos da sociedade contemporânea. Além da área de Literatura, o Simpósio busca abarcar as áreas de Línguas Estrangeiras e de Língua Portuguesa”, afirmou.

A professora destacou ainda que “o Simpósio nasceu com o intuito de trazer reflexões e propostas sobre a produção e o ensino da linguagem, literatura e artes em suas variadas formas, considerando o contexto da globalização”, disse Wellitania.

O coordenador de Jornalismo relatou que a parceria é muito bem-vinda para o curso. “É uma oportunidade que colocar os nossos alunos e egressos em contato com um evento que busca valorizar a literatura e as artes”, disse o professor.

Paulo Albuquerque.

Para aquisição do certificado de 20 horas, o acadêmico deverá se inscrever, no mínimo, em três modalidades – oficina, roda de conversa e mesa-redonda.

As oficinas e rodas de conversas serão realizadas no Campus II, Bloco C. Já as mesas-redondas e encerramento do Simpósio serão na Associação de Professores Universitário de Gurupi, na rua 9, entre as avenidas Guanabara e Rio de Janeiro.

O Campus II está localizado na avenida
Rio de Janeiro nº 1585, Centro. Já o Campus I, na avenida Antônio Nunes da Silva nº 2195, no Parques das Acácias.

Mais informações pelos telefones (63) 3612 7521, (63) 98427 7656 ou (63) 99293 7938.

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades

‘Marcha para Jesus’ acontece dia 28 em Gurupi, com apoio da Prefeitura; Casa Worship é a atração principal

Publicados

em

Mais uma vez a Prefeitura de Gurupi, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, apoia e incentiva a Marcha Para Jesus, que está em sua quarta edição, e acontecerá no dia 28 de setembro em comemoração ao dia do Evangélico.

O evento é uma celebração a Cristo que reúne milhares de pessoas das igrejas evangélicas e de outras religiões, organizado pela Aliança dos Ministros Evangélicos de Gurupi (AMEG).

O prefeito Laurez Moreira comenta que sua gestão abraça todas as causas que promovem o bem-estar e os eventos religiosos têm essa potencialidade. “Apoiamos e incentivamos tudo o que é bom para nossa comunidade, e a Marcha para Jesus é um movimento que traz uma mensagem de paz, equilíbrio e celebração, além de ser também um evento que movimenta a economia da nossa cidade”, destacou.

Conforme a Secretária Municipal de Cultura de Gurupi, Zenaide Costa, é uma orientação do prefeito auxiliar em todas as causas que são para o bem comum e a Secretaria sempre apoia os eventos religiosos da cidade, pois Gurupi é uma cidade em que as pessoas praticam bastante a fé e a religiosidade. E como apoio a Secretaria está disponibilizando trio elétrico, som, iluminação e cadeiras para que o evento seja como o povo merece.

Segundo a organização, a concentração da Marcha Para Jesus será às 15h no Parque Mutuca de onde partirão pela avenida Goiás e seguirão até o Centro de Convenções, onde acontecerá no palco externo apresentações musicais e shows das bandas Casa Worship e Louve & Adore, a partir das 20h.

Continue Lendo

Cidades

Equipamentos do Projeto “Olho Vivo” serão entregues hoje (18) para a Polícia Militar de Gurupi

Publicados

em

Gurupi encontra-se no desenvolvimento de franco, exemplo disso são como diversas obras que vem sendo inauguradas e novos empreendimentos se instalando na cidade. Tendo em vista o progresso constante, para melhorar e ampliar a segurança pública do município, a Prefeitura de Gurupi implantará o Sistema Integrado de Monitoramento de Segurança “Olho Vivo”. Nesta quinta-feira (19), o prefeito de Gurupi, Laurez Moreira, apresentou a entrega dos materiais para o projeto que pode ser iniciado. A solenidade será às 18h, no gabinete do prefeito, localizado na Rua 01, com Av. Maranhão.

O Projeto “Olho Vivo” é de autoria do 4º Batalhão da Polícia Militar (4º BPM). A Prefeitura de Gurupi é parceira por meio da aquisição e cessão de equipamentos, aprovada pela Câmara Municipal através da Lei nº 2.450. O objetivo é implantar câmeras de vídeo em pontos estratégicos da cidade. O “Olho Vivo” irá fortalecer o sistema de segurança do município.

De acordo com o projeto, o sistema integrado contém 16 câmeras de longo alcance nos locais com maior índice de criminalidade, aplicadas pelo Geoprocessamento de Ocorrências Policiais do 4º BPM, potencializando o policiamento preventivo nos principais locais de concentração de delitos. A central de monitoramento montado na sede do 4º BPM e será coordenada pelo Sistema Integrado de Operações (SIOP).

Para o prefeito Laurez Moreira, esse é um projeto de dados longos que vem para ampliar a eficiência da Polícia Militar e consequentemente a segurança pública em Gurupi. “Esse é um projeto muito aguardado pela sociedade gurupiense; então, com sua implantação nós teremos mais tranquilidade e aumentamos a eficiência da Polícia Militar. É um ponto de partida para melhorar a segurança pública em Gurupi e o bem estar da população. E nosso intuito é ampliar o número de câmeras instaladas ”, disse.

Para o comandante da Polícia Militar de Gurupi, o tenente-coronel Jaime Porfírio de Souza, o projeto “Olho Vivo” é a suma importância para o policiamento ostensivo e preventivo. “Os benefícios dos equipamentos cedidos pela Prefeitura de Gurupi refletem a garantia de mais segurança para a nossa cidade. A importância do monitoramento de vídeo está ligada ao controle de acesso em áreas restritas, ao monitoramento de pessoas em áreas privadas e públicas, ao fluxo de veículos em diversos locais, na fiscalização do trânsito e no acompanhamento de grandes eventos e manifestações públicas ”, disse.

Continue Lendo

Cidades

Laurez sanciona Leis que instituem a Capelania Voluntária e os dias do Pastor e do Capelão em Gurupi

Publicados

em

Na tarde desta terça-feira (17), o Gurupi Laurez Moreira sancionou em seu gabinete três Leis que não inserem calendário oficial no município de dias e dias como Pastor e Capela Evangélica Civil e Militar. Também foi instituído pelo Capelania Evangélica Voluntária em Gurupi. Pastores, capelães e convidados podem assinar a assinatura.

A Lei Nº 2.452 institui o dia do pastor durante o segundo domingo do mês de junho. A Lei Nº 2.448, instituído pelo dia-a-dia evangélico civil e militar, usado no dia 21 de junho. “É motivo de muita alegria a nossa categoria de pastores ser reconhecida na nossa cidade e ter um dia certo para comemorar isso. O reconhecimento do poder público é muito importante, temos certeza de que estamos no caminho certo e que Gurupi será muito abençoado ”, disse o pastor Cesar Assunção, presidente da Aliança dos Ministérios Evangélicos de Gurupi (AMEG).

Já a Lei Nº 2.447 institui a Capelania Evangélica Voluntária em Gurupi. Será um serviço de assistência religiosa com o objetivo de contribuir para o bem-estar religioso e espiritual, com atuação em áreas da guarda municipal, prisional, infantil, fúnebre, hospitalar, social, estudantil, esportiva, meio ambiente e pós-desastre ecológico. Os capelães integrantes não serão remunerados, servirão à coletividade, como prestação de serviços de utilidade pública.

A coordenação do serviço voluntário será feita por um capitão titular formado em curso específico de capelania, credenciado pela unidade de capelania voluntária da União Internacional de Pastores e Capelães Voluntários (UNIPAS).

Segundo diretor regional da UNIPAS-TO, o pastor Gilberto Correia, Gurupi é a primeira cidade do Tocantins a instituir a Capelania Voluntária e o dia da Capelão. “Essa homenagem também é importante porque Gurupi se torna a primeira cidade do Estado há um dia específico na comemoração ao capelão e a primeira no serviço de capelania voluntária, que é um trabalho muito importante que irá contribuir com a assistência religiosa na população gurupiense , em qualquer situação ”, relatou Gilberto.

“Fico muito feliz em aprovar essas Leis e prestigiar esse trabalho fundamental dos pastores e capelães em Gurupi. São homens e mulheres vocacionados que deixam os seus compradores para se dedicar ao interesse e bem estar no próximo. Todo o ser humano requer um amparo religioso e Gurupi na classe religiosa não tem medido esforços para atender a essa demanda na nossa cidade ”, frisou o Prefeito Laurez Moreira.

Estiveram presentes na solenidade dos verificadores Ivanilson Marinho e Jair Souza, ambos do segmento evangélico.

Continue Lendo

Notícias