Conecte-se conosco

Cidades

‘Guerrilheiras ou para terra não há desaparecidos’ chega a Palmas no próximo dia 02 e 03

Publicados

em

A história de doze mulheres que lutaram e morreram em um dos mais importantes e violentos conflitos armados da ditadura civil militar brasileira, a Guerrilha do Araguaia, é contada no espetáculo ‘Guerrilheiras ou Para a Terra não há desaparecidos. A peça chega a Palmas com sessões nos dias 02 e 03 de agosto, no Theatro Fernanda Montenegro. Na Capital, além das apresentações, será oferecida uma oficina para atores, atrizes e estudantes de teatro.

O espetáculo é a primeira etapa do Projeto Margens sobre rios buiúnas e vagalumes. O projeto de pesquisa, idealizado, pela atriz e pesquisadora Gabriela Carneiro da Cunha, é uma série de trabalhos em artes integradas, criadas a partir do testemunho de rios brasileiros que vivem uma experiência de catástrofe desde a perspectiva do próprio rio.

A Guerrilha do Araguaia ocorrida entre os estados do Pará e Tocantins, na Floresta Amazônica, entre abril de 1972 e janeiro de 1975, reuniu cerca de 70 pessoas, entre elas 17 mulheres, que saíram de diversas cidades do país para participar do movimento que pretendia derrubar a ditadura e tomar o poder cercando a cidade pelo campo.

Por meio de um diálogo entre a ficção e o documentário, ‘Guerrilheiras ou para aterra não há desaparecidos’ é um poema cênico criado a partir da história dessas mulheres, que mostra suas lutas e memórias do que viveram e deixaram naquela região. A peça também busca iluminar esse importante episódio da história do país ainda tão sombrio. “Certas coisas devem ser feitas: manter a chama acesa,relembrar e iluminar a história das lutas e dos lutadores, com todas as contradições que cada luta carrega”, destaca a diretora Georgette Fadel.

Apoio

A circulação do espetáculo é viabilizada pela Petrobras, por meio do Programa Petrobras Distribuidora de Cultura pelos estados do Pará e Tocantins, além das apresentações em Goiânia e Brasília.

O programa é uma seleção pública que tem como objetivo contemplar projetos de circulação de espetáculos teatrais não inéditos, em parceria do Ministério da Cultura. No último edital foram investidos R$15 milhões. Ao todo, foram escolhidos 57 espetáculos, representantes de todas as regiões do País, com apresentações em todos os estados.

SERVIÇO:
O que: ‘Guerrilheiras ou para a terra não há desaparecidos’
Quando: 02 e 03 de Agosto
Onde: Theatro Fernanda Montenegro
Ingresso: R$ 20,00 (inteira)
Horário: 20h
Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades

Feira de adoção animal acontece neste sábado na Capital

Publicados

em

Cerca de 25 cães e 15 gatos estarão esperando por um novo lar

Com o objetivo de ressocializar animais em situação de abandono, a Veterinária Paula Lima promove uma feira de adoção, neste sábado, em parceria com o Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins. O evento é especialmente dedicado a todos aqueles que entendem a importância de se adotar um bichinho, dando a ele condições dignas de vida, além de muito amor e carinho.

Para Keylla Farias, administradora do Grupo de Proteção Animal Patinhas de Palmas, os eventos de adoção promovem um bem social. “São nestas feiras que podemos dar voz aos grupos de proteção animal, chamando a atenção da sociedade e estimulando a conscientização de uma adoção responsável. Nosso trabalho vai muito além de resgatar e cuidar temporariamente. Temos o compromisso de achar um lar definitivo e garantir que os bichinhos tenham qualidade de vida”, destacou a protetora.

A Feira ainda vai proporcionar um momento informativo, em que os interessados poderão tirar todas as dúvidas sobre castração, vacinas e sobre a adoção em si. Conhecerão o processo de uma adoção responsável e de tudo eu isso implica: dedicação e compromisso com o animal.

Entre os parceiros da ação estão o Movimento de Integração de Animais a Um Lar (MIAUL), Aus e Miaus, Projeto Vira-lata, Adota Palmas, Adote um amigo e Patinhas de Palmas.

O quê? Feira de Adoção Animal
Quando? 19 de outubro (sábado), das 9h às 12h
Onde? Estacionamento do Corpo de Bombeiros (403 Sul)

Continue Lendo

Cidades

Idosos de Gurupi receberam palestra sobre depressão na terceira idade

Publicados

em

O Psiquiatra Dr. Moysés Chaves esteve no auditório do Centro de Convenções Mauro Cunha na tarde desta quarta-feira (16), para ministrar a palestra “Depressão no Idoso”. O evento, promovido pela Prefeitura de Gurupi por meio da Secretaria Municipal do Idoso, contou com a participação de aproximadamente 150 idosos.

Segundo o palestrante Dr. Moysés Chaves, a depressão é uma doença muito comum na terceira idade e foi de extrema importância a iniciativa da Prefeitura. “Toda a equipe envolvida está de parabéns por ter trazido este tema a tona a esse público, pois não se fala muito em doenças mentais e a principal delas é a depressão. Ela atinge cerca de 30% dos idosos. Então falamos aqui hoje sobre como identificar a depressão nessa idade, como prevenir e como tratar, tanto com tratamentos medicamentosos e não medicamentosos”, explicou Chaves.

Para a secretária municipal do idoso, Regiane Garcia, a gestão atual tem dado uma atenção especial aos idosos, envolvendo-os em ações interativas, dinâmicas e informativas, ao longo de todo o ano. “Nós temos visto muitos casos de idosos com depressão, por isso tivemos a iniciativa de oferecer a eles uma palestra em parceria com o Dr. Moysés para informa-los sobre como evitar a doença e como agir no tratamento. Essa é mais uma ação dentre as várias realizadas durante o ano para motivar nossos idosos e torna-los mais saudáveis. Aqui em Gurupi, a secretaria tem sempre buscado deixar eles ativos em diversas atividades e eventos”, afirmou a secretária.

A palestra foi interativa e despertou a atenção dos idosos presentes quanto ao tema. Eles tiveram um espaço para tirar dúvidas e debaterem sobre o tema e saíram satisfeitos com as informações adquiridas. “Achei muito importante a palestra, todo conhecimento é bem vindo e da forma como foi feita a dinâmica facilitou bastante, vou procurar colocar todos os ensinamentos em prática”, relatou a aposentada Raimunda Tavares, de 67 anos. “Eu procuro ser bem ativa e alegre para não me entregar a velhice e as doenças, por isso achei muito bom assistir essa palestra e vou seguir a risca as orientações que o doutor falou”, disse Regina Télia da Silva, também aposentada.

Além da palestra, a programação contou com dinâmica, sorteio de brindes e um coquetel para finalizar o evento.

Continue Lendo

Cidades

No Outubro Rosa, Governo do Tocantins abre linha de crédito especial para as mulheres

Oportunidade disponível na Agência de Fomento abrange qualquer linha de crédito, oferece taxa reduzida de 1,66 % e pagamento em até 36 vezes

Publicados

em

Outubro Rosa na Agência de Fomento tem facilidade e oportunidade para a mulher empreendedora

O Governo do Tocantins, por meio da Agência de Fomento, apoiando o Outubro Rosa, liberou, neste mês de outubro, linha de crédito especial para as mulheres empreendedoras. Com o recurso do Governo do Estado, a campanha segue até o final do mês, com taxa reduzida de 1,66 % ao mês.

Segundo a presidente da Agência de Fomento, Denise Rocha, a campanha é uma oportunidade para alavancar o empreendedorismo feminino no Tocantins que é muito evidente em diversas áreas de atuação.

“Esta é uma chance direcionada para toda mulher empreendedora, seja pessoa física ou jurídica, investir no seu negócio e melhorar sua posição no mercado. O recurso atende aquela empresária, costureira, feirante, dentre outras mulheres presentes no Tocantins que querem fazer a diferença. Por isso, com esta campanha, estamos trabalhando com taxas reduzidas e pagamento em até 36 vezes, sem estabelecer uma categoria específica para o financiamento”, pontua a Presidente.

Com o tema Ser dona do seu futuro significa não perder nenhuma oportunidade, a Agência de Fomento destaca a valorização da mulher que empreende e se destaca como autora da sua própria história.

Serão disponibilizados até R$ 30 mil de crédito, com carência de três meses, para as mulheres interessadas, que podem entender mais dessa oportunidade entrando em contato com um dos agentes de crédito da Fomento, por meio do site

ou pelo telefone (63) 3220-9800.

 

Continue Lendo

Notícias